Mato Grosso do Sul não terá mais toque de recolher a partir de 23 de agosto - Jornal Correio MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

17/08/2021

Mato Grosso do Sul não terá mais toque de recolher a partir de 23 de agosto

Avanço da vacinação retirou obrigatoriedade de restrição noturna, informou Riedel

Imagem aérea em dias de restrições em MS
Mato Grosso do Sul não terá mais toque de recolher a partir da próxima segunda-feira (23) - a decisão foi anunciada pelo secretário Eduardo Riedel, durante coletiva nesta terça-feira (17). Ele esclareceu que, apesar da decisão, que leva em conta o avanço da vacinação, os municípios do Estado poderão adotar legislações próprias.

Só a lotação dos estabelecimentos que segue de acordo com as bandeiras indicadas pelo Prosseguir, o programa do Governo do Estado que orienta medidas restritivas a serem definidas pelos municípios. Em cidades com a bandeira cinza, as atividades terão lotação máxima de 30%. No caso da bandeira vermelha, será de 50% e para bandeira laranja de 70%. Nas cidades com bandeira amarela, a lotação nos comércios será de 90% e na bandeira verde liberada para 100% da ocupação - estas previsões seguem válidas.

"Se tivermos de tomar novas decisões, vamos tomar. Mas entendemos que é momento de flexibilizar horários vinculados às bandeiras. Biossegirança continua, devemos usar máscaras, álcool em, manter distância mínima entre pessoas. Mas, agora, toque de recolher está eliminado a partir de 24 de agosto".

Mato Grosso do Sul já vacinou 57,82% da população com ao menos a primeira dose e 37,76% com as duas doses ou dose única, a maior porcentagem de imunização do país. Esse é um dos critérios para o Governo do Estado decidir extinguir o toque de recolher, usado desde o começo da pandemia de Covid-19, como uma das formas de frear o avanço da doença.

Fonte: Midiamax
Por: Mayara Bueno e Gabriel Maymone

***