Com programação diversificada, SEMU cumpre agenda do Agosto Lilás neste final de semana - Jornal Correio MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

12/08/2021

Com programação diversificada, SEMU cumpre agenda do Agosto Lilás neste final de semana


A Subsecretaria de Políticas para a Mulher (Semu) continua cumprindo agenda do Agosto Lilás neste final de semana com uma programação diversificada, levando informações sobre a Lei Maria da Penha que neste mês completa 15 anos de existência e, consequentemente, sensibilizar a população sobre a violência doméstica e familiar, de forma descentralizada, chegando até os bairros.

Nesta sexta-feira (13), a Subsecretaria, em parceria com o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher/CMDM, realiza Blitz Educativa na Av. Ana Luiza de Souza esq. com rua Francisco dos Anjos, na Pioneira, das 9 às 10 horas. O bairro detém a 3ª maior população feminina, segundo dados do Perfil Sócio Econômico de Campo Grande/Planurb.

Ainda nesta sexta-feira (13) , técnicos da Semu irão realizar abordagem em bares e restaurantes da Av. Bom Pastor, na seguinte ordem: Choperia Madalena, às 20h, + Que Gula Espetos, às 20h30m, Point do Espeto, às 21 horas, finalizando no Parrela Espetos, às 21h30m. A ação tem o apoio da ABRASEL (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes).

No sábado (14), 30 mulheres atendidas pelo CRAS Vida Nova serão contempladas com passeio de City Tour- um momento de lazer e entretenimento- aliado à informação acerca dos pontos turísticos da cidade. O passeio, que tem a parceria da SECTUR com a SAS, tem início às 15 horas e partirá do CRAS Vida Nova – Rua Jaci Maria de Azevedo Moro, 164 – Vida Nova. Todas as mulheres que participarão do passeio vão receber um brinde surpresa, oferecido pela SECTUR.

E no domingo (15) acontece a abordagem e panfletagem na feira das Moreninhas, às 9 às 11h – Rua Barueri entre as ruas Solania e Anacá. As feiras livres são um espaço de fluxo e circulação significativa de pessoas que favorece ações de abordagem e a sensibilização das mulheres.


Segundo a Subsecretária Carla Stephanini, as ações descentralizadas nos bairros de Campo Grande são importantes porque atingem um grande número de pessoas. “A iniciativa da SEMU em oportunizar, por meio de parcerias, atividades diversificadas às mulheres de todas a regiões da cidade, faz parte de uma estratégia de superação da violência que busca se aproximar de todas elas, chegando próximo de suas residências. Assim, esclarecemos sobre as diversas formas de violência doméstica contra a mulher, divulgamos os canais para denúncia e onde buscar ajuda”.