CLIMA| Pelo 2º dia consecutivo, Inmet alerta para tempestade em MS - Jornal Correio MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

27/08/2021

CLIMA| Pelo 2º dia consecutivo, Inmet alerta para tempestade em MS

Ontem instituto já havia alertado para perigo de tempestade em 30 cidades do Estado

Céu amanheceu encoberto por nuvens na Capital ©Henrique Kawaminami
Mais um dia o INMET (Instituto Nacional de Meteorologia) emitiu alerta de tempestade para cidades de Mato Grosso do Sul. Dessa vez o aviso publicado às 11h desta sexta-feira (27) é válido para 55 municípios, entre eles Campo Grande, onde não chove desde o dia 28 de julho, quando a estação do instituo registrou volume e apenas 0,2 milímetro de água.

Ontem (26), o instituto já havia alertado para perigo potencial de tempestades no Estado. O aviso era válido para 30 cidades, inclusive para os municípios da fronteira do Brasil com o Paraguai, onde o dia começou com nebulosidade e queda nas temperaturas.

Na Capital, a quinta-feira foi de dia nublado e temperaturas amenas, mas não houve registro de chuva. Segundo o meteorologista Natálio Abrahão, ontem choveu em Dourados, Itaquiraí, Aral Moreira, Ponta Porã, Rio Brilhante, Jardim e Bonito.

Para hoje o aviso é válido para 55 cidades e termina às 10h deste sábado (27). Além da Capital, estão sob o alerta as cidades de Amambaí, Anastácio, Anaurilândia, Angélica, Antônio João, Aquidauana, Aral Moreira, Bataguassu, Batayporã, Bela Vista, Bodoquena, Bonito, Caarapó, Caracol, Coronel Sapucaia, Corumbá, Deodápolis, Dois Irmãos do Buriti, Douradina, Dourados, Eldorado, Fátima do Sul.

Assim como Glória de Dourados, Guia Lopes da Laguna, Iguatemi, Itaporã, Itaquiraí, Ivinhema, Japorã, Jaraguari, Jardim, Jateí, Juti, Laguna Carapã, Maracaju, Miranda, Mundo Novo, Naviraí, Nioaque, Nova Alvorada do Sul, Nova Andradina, Novo Horizonte do Sul, Paranhos, Ponta Porã, Porto Murtinho, Ribas do Rio Pardo, Rio Brilhante, Santa Rita do Pardo, Sete Quedas, Sidrolândia, Tacuru, Taquarussu, Terenos e Vicentina.

No período está prevista acumulado de até 50 milímetros de chuva por dia e ventos de até 60 km/h. Há ainda possibilidade de queda de granizo, risco de corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de galhos de árvores e de alagamentos.

Fonte: CAMPO GRANDE NEWS
Por: Ana Paula Chuva 

***