CAPITAL| Câmara aprova autorização para empréstimo de R$ 95 milhões - Jornal Correio MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

19/08/2021

CAPITAL| Câmara aprova autorização para empréstimo de R$ 95 milhões

Investimentos serão nas áreas de saúde, educação, habitação, infraestrutura viária e bem-estar animal

Plenário Oliva Enciso, da Câmara Municipal  ©Izaías Medeiros/CMCG
A Câmara Municipal de Campo Grande aprovou em regime de urgência na sessão de quinta-feira (19) projeto de lei que autoriza a prefeitura a contratar empréstimo de R$ 95 milhões. A matéria foi aprovada por unanimidade, com 27 votos.

A operação de crédito será realizada por meio da linha Finisa (Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento), da CEF (Caixa Econômica Federal). Mais cedo, o líder do prefeito, Roberto Avelar, mais conhecido como Beto Avelar (PSD), coletou 23 assinaturas para acelerar a tramitação.

Para explicar aos vereadores os motivos do empréstimo e como o recurso será aplicado, a coordenadora especial da Central de Projetos da Segov (Secretaria Municipal de Governo e Relações Internacionais), Catiana Sabadin, esteve hoje na Câmara em reunião com o líder do prefeito e demais parlamentares.

“Os preços subiram muito, então é necessário esse recurso a mais para poder concluir esses projetos. A Catiana explicou cada detalhe aos vereadores e acredito que o projeto será aprovado por unanimidade, pois o valor será utilizado para concluir, reformar e ampliar espaços que são reivindicações antigas dos próprios vereadores”, justificou o líder.

Aplicação

A maior fatia, de R$ 27,5 milhões, será aplicada em obras de pavimentação e contenção de enchentes.

Outros R$ 22,5 milhões serão para serviços diversos, que incluem a reforma da Praça da República, popularmente conhecida como Praça do Rádio Clube; Praça Aquidauana e o Parque Florestal Antônio de Albuquerque, o Horto Florestal; adequação do espaço multiuso do Ginásio Poliesportivo Avelino dos Reis, o Guanandizão; restauração da Escola Municipal Isauro Bento Nogueira, no distrito de Anhanduí; reforma e ampliação de prédios públicos e construção de sete parques infantis adaptados.

Para construção de casas populares e aquisição de software, serão empregados R$ 16 milhões. Serão 220 unidades habitacionais para as famílias da Favela do Mandela, comunidade no prolongamento da Avenida Norte-Sul.

Já para a conclusão, reforma e ampliação de das Emeis (Escolas Municipais de Educação Infantil) dos bairros Jardim Talismã, São Conrado, Jardim Anache, Jardim Inápolis, Vila Nasser, Jardim Radialista, Oliveira III e a Escola Municipal Vila Nathália, no Portal Caiobá.

Reforma e ampliação das UPAs (Unidades de Pronto Atendimento) Vila Almeida, Universitário e Leblon e dos CRSs (Centros Regionais de Saúde) Nova Bahia, Tiradentes e Aero Rancho consumirão R$ 10 milhões. A construção de um Cras (Centro de Referência em Assistência Social) para a população de rua será da ordem de R$ 4 milhões.

E R$ 700 mil serão destinados para a construção da UPA veterinária, centro de triagem para cães e gatos e aquisição de material permanente.

Fonte: CAMPO GRANDE NEWS
Por: Adriel Mattos

***