Deputado Felipe Orro intercede ao DNIT para recuperação da BR-267 em Porto Murtinho - Jornal Correio MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

18/03/2021

Deputado Felipe Orro intercede ao DNIT para recuperação da BR-267 em Porto Murtinho

©ARQUIVO
O deputado estadual Felipe Orro solicitou ao superintendente do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), Euro Nunes Varanis Junior, a recuperação da pista e alargamento do acostamento da Rodovia BR-267, no trecho entre o Distrito de Alto Caracol e Porto Murtinho. “O DNIT nos garantiu que a licitação das obras sai até o final do ano. Mais uma conquista para os usuários desta importante rodovia que integrará a Rota Bioceânica. Com esse serviço, vamos garantir uma logística de qualidade para comportar o movimento de cargas da região com mais segurança”, disse o deputado.

Ainda de acordo com Felipe, sua indicação atende pedidos expressos por produtores rurais, moradores da região e demais usuários da rota, que vivenciam o aumento do fluxo de carretas e caminhões na rodovia. O excesso de peso no transporte de cargas é um dos maiores responsáveis pelo desgaste e prejuízos à conservação do asfalto rodoviário. Conforme o DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), um caminhão com 50% de excesso de carga pode causar 10 vezes mais danos ao pavimento do que se estivesse com o peso normal.

A BR-267 é a principal rodovia de acesso a Porto Murtinho, responsável pelo escoamento de grande parte da produção de grãos do Estado e faz parte da Rota Bioceânica, chamada de Rota da Integração Latino-Americana (RILA), que vai facilitar o comércio de mercadorias (exportação e importação) com os portos chilenos no oceano Pacífico.

“A BR-267 teve um aumento significativo no seu fluxo de veículos, são muitas carretas seguindo no sentido de Porto Murtinho, cidade com posição importante e estratégica para Bioceânica. Este intenso movimento de veículos pesados faz com que o asfalto da pista ceda em muitos pontos e isso interfere na segurança e agilidade de percurso da rodovia”, finaliza o deputado.
©Álvaro Pereira Filho


ASSECOM

***