Em Assembleia na Assomaul, prefeito João Carlos Krug confirma que ensino municipal continuará presencialmente em Chapadão do Sul - Jornal Correio MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

25/02/2021

Em Assembleia na Assomaul, prefeito João Carlos Krug confirma que ensino municipal continuará presencialmente em Chapadão do Sul

©DIVULGAÇÃO
O prefeito de Chapadão do Sul, João Carlos Krug, participou de Assembleia da Assomasul e defendeu o retorno das aulas, confirmando que Chapadão do Sul continuará com aulas na Rede Municipal de Ensino. A assembleia foi realizada na última terça-feira, 23, na sede da Assomasul, Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul.

Embora a maioria dos prefeitos sul-mato-grossenses entendam que esse não é momento oportuno para o retorno do ano letivo diante do atual momento, o prefeito de Chapadão do Sul, João Carlos Krug reforçou a sua decisão. “Toda cidade tem autonomia para tomar as suas decisões, respeitando as características de cada município. Assim, em Chapadão do Sul, entendemos que a melhor decisão a ser tomada é continuar com as aulas. Através da Secretaria de Educação recebemos feedbacks diários que os pais estão satisfeitos com essa decisão. Além do mais, quem não sente confortável em levar seus filhos à escola, pode continuar normalmente com o ensino remoto”, explicou.
©DIVULGAÇÃO
Além disso, o gestor municipal de Chapadão do Sul ressaltou a importância da saúde mental para as crianças e jovens. “As aulas presenciais também simbolizam um regime de interação e desenvolvimento psicossocial extremamente importante para os nossos alunos. Além do educar também se faz necessário estimular a convivência em sociedade dos nossos alunos”, finaliza João Carlos Krug.

Assim, as aulas na Rede Municipal de Ensino em Chapadão do Sul continuam normalmente, presencial e remota, respeitando todos os protocolos de biossegurança necessários.

Retorno das aulas

As aulas na Rede Municipal de Ensino voltaram no dia 08 de fevereiro, com horário reduzido, e escalas de turmas com aulas nas creches e escolas, servindo mais como uma base de readaptação do ambiente escolar para os alunos, pais, professores e demais profissionais da área da educação. Assim, após este período inicial, o prefeito juntamente com o secretário de Educação, Guerino Perius conversaram com os diretores das escolas e CEIs, decidindo o retorno das aulas com horário normalizado e com aulas para todas as turmas, sendo separadas em dois grupos, onde cada uma participa das aulas presenciais em uma semana e em casa na outra.


ASSECOM

***