Ação de Empregabilidade oferece 60 vagas para jovem aprendiz - Jornal Correio MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

17/02/2021

Ação de Empregabilidade oferece 60 vagas para jovem aprendiz

Candidatos devem ter entre 16 e 24 anos, ser estudante do ensino médio ou tê-lo concluído

©DIVULGAÇÃO
Na próxima sexta-feira (19), irá acontecer a Ação de Empregabilidade para Jovem Aprendiz. Ao todo, são 60 vagas oferecidas pela Rede Comper e Fort Atacadista. O processo seletivo ocorrerá na Faculdade Estácio de Sá, em Campo Grande (MS), das 9h às 17h.

A ação visa proporcionar a inclusão social com o primeiro emprego para os mais jovens e contribuir para a formação dos futuros profissionais do país, assegurando direitos como carteira de trabalho e salário. Conta com o apoio institucional do Ministério Público do Trabalho (MPT), da Associação Sul-Mato-Grossense de Supermercados (Amas), da Faculdade Estácio de Sá, da Prefeitura Municipal de Campo Grande e da Câmara dos Dirigentes Logistas (CDL).

O Grupo Pereira, em suas bandeiras Comper e Fort Atacadista, abre um leque de oportunidades aos aprendizes. O coordenador regional de Recursos Humanos, Bruno Lourenço, explica que ao longo do período de contrato o aprendiz poderá conhecer diversos setores da empresa, ampliando a sua visão profissional e preparando-se da melhor maneira para o mercado laboral. “Em diversas vezes, após a finalização do contrato, muitos foram efetivados e seguiram carreira dentro da companhia. Enfim, para todos aqueles que desejam aprender o trabalho em uma grande empresa ou para aqueles que desejam seguir carreira, esta é uma ótima oportunidade”, descreve Lourenço.

“O cumprimento da cota da lei da aprendizagem, mais do que uma obrigação legal, é a forma correta e protegida para inserção de adolescentes no mercado de trabalho, principalmente porque garante que haja a manutenção na escola durante o contrato de trabalho”, acrescenta a procuradora-chefe do MPT-MS, Cândice Gabriela Arosio.

No Brasil, o trabalho é totalmente proibido antes dos 16 anos, salvo na condição de aprendiz a partir dos 14 anos. A Lei nº 10.097/2000 estabelece que as empresas de médio e grande porte admitam um número de aprendizes que pode variar entre 5% e 15% do quadro de trabalhadores, cujas funções demandem formação profissional. Apesar de a obrigatoriedade ser específica para empresas maiores, qualquer organização pode contratar aprendizes, desde que seja respeitada a legislação.
©DIVULGAÇÃO
Para o organizador da Ação de Empregabilidade para Jovem Aprendiz, Carlos Roboton, promover iniciativas como essa, de qualificação profissional, empregabilidade e agora focada no jovem aprendiz, é proporcionar para muitas pessoas a possibilidade do primeiro contato com o universo trabalhista. “Para muitos deles é a única oportunidade de se inserir no mercado de trabalho. Já as empresas, por sua vez, desenvolvem responsabilidade social. Tudo isso alinhado com a oportunidade que elas têm de difundir, de maneira legal, seus valores e cultura”, explica Roboton.

O prefeito Marcos Trad também avalia de forma positiva a ação. “Muito antes da pandemia, de acordo com informações do IBGE, os jovens já eram os que mais tinham dificuldades em se inserir no mercado de trabalho. Falta de experiência e de qualificação são os grandes desafios que esse público enfrenta. Nós, enquanto governo municipal, só temos a agradecer e apoiar essa iniciativa que é tão importante para os jovens, principalmente, os das classes mais vulneráveis, que tanto precisam de uma oportunidade para se desenvolverem e ajudar suas famílias”, conclui Trad.

Já o presidente da Associação Sul-Mato-Grossense de Supermercados (Amas), Edmilson Verati, afirma que um dos objetivos da entidade é estimular justamente a oferta de vagas disponíveis e propiciar aos jovens o primeiro emprego. “É uma ação importante para o varejo e para a sociedade. Nós precisamos preencher as vagas e os jovens precisam trabalhar. E a Amas, participando dessa iniciativa, também incentiva outras empresas a promoverem ações semelhantes”, afirma Veratti.

Para participar do processo seletivo na próxima sexta-feira, é necessário que o candidato tenha entre 16 e 24 anos, seja estudante do ensino médio ou que o tenha concluído. A orientação é para que os jovens levem caneta e apresentem currículo atualizado. Devido à pandemia e no intuito de impedir aglomerações no local do processo seletivo, os candidatos devem evitar acompanhantes. Outra recomendação é que estejam protegidos com máscara e mantenham distanciamento mínimo de 1,5 metro. As instituições parceiras irão disponibilizar álcool em gel em pontos específicos do local de prova, visando à proteção dos candidatos.

Serviço

Seleção Jovem Aprendiz (entre 16 e 24 anos)
Data: 19/02/2021 (sexta-feira)
Hora: 9h às 17h (intervalo de almoço: 12h às 13h30)
Local: Faculdade Estácio de Sá - Campus TV Morena
R. Venâncio Borges do Nascimento, 377 - Jardim TV Morena, Campo Grande (MS)

ASSECOM/MPT

***