Deputado Renato Câmara destaca a emoção e esperança com a chegada das vacinas em Mato Grosso do Sul - Jornal Correio MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

20/01/2021

Deputado Renato Câmara destaca a emoção e esperança com a chegada das vacinas em Mato Grosso do Sul

©DIVULGAÇÃO
O deputado estadual Renato Câmara (MDB) participou nesta segunda-feira (18) do ato simbólico de imunização de quatro sul-mato-grossenses que fazem parte da primeira fase determinada pelo Plano Nacional de Imunização, ocorrida no Hospital Regional de Mato Grosso do Sul.

Foram vacinas a índia terena Domingas da Silva, de 91 anos, da aldeia Tereré, em Sidrolândia; Maria Bezerra de Carvalho, de 82 anos, que mora no Asilo São João Bosco; e o médico Márcio Estevão Midom, 43, que está na linha de frente no combate à pandemia. Além disso, a auxiliar de enfermagem Sandra Maria de Lima, foi a quarta pessoa imunizada.

Ao todo, Mato Grosso do Sul recebeu 158 mil doses da vacina para dar início a imunização e controle do vírus no Estado.

O deputado destacou a emoção com a chegada da vacina e ainda salientou que irá acompanhar todo o processo de distribuição nos demais municípios. “Não tem como não se emocionar com esse momento tão aguardado e não sentir a fé e esperança sendo renovadas com a aprovação e distribuição das vacinas em nosso Estado. Como parlamentar, vou acompanhar o processo de distribuição que seguirá o Plano Estadual de Vacinação contra a Covid-19. Momento mais esperado e agora vamos, com calma e organização, iniciar a proteção da população sul-mato-grossense” afirmou.

O grupo prioritário definido pelo Ministério da Saúde nesta primeira fase são: trabalhadores da área da saúde que estão na linha de frente, pessoas de 60 anos ou mais e pessoas com deficiência maior ou menor de 18 anos, ambas institucionalizadas, e indígenas aldeados.

A eficácia geral da vacina CoronaVac é de 50,38%, com 78% de prevenção para casos leves de coronavírus e 100% para casos moderados e graves da doença.

A distribuição das doses para o Estado, você pode conferir a tabela clicando aqui.

Por: Alessandra Frazão

***