PANDEMIA| MS se mantém em platô elevado de casos, internados e mortes por Covid-19, diz secretário de Saúde - Jornal Correio MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

24/09/2020

PANDEMIA| MS se mantém em platô elevado de casos, internados e mortes por Covid-19, diz secretário de Saúde


O secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, fez nesta quinta-feira (24) uma avaliação geral do quadro da Covid-19 no estado. Disse que pela nona semana consecutiva Mato Grosso do Sul se mantém em um platô elevado de número de casos novos, pacientes internados e de mortes.

Ele comentou que a taxa de contágio se mantém em 1,5% e que a média móvel dos últimos sete dias está em 661,7 casos por dia. Nesta quinta foram confirmados mais 815 casos novos e total de infectados chegou a 66.426.
Geraldo Resende comentou que a taxa de contágio se mantém em 1,5% e que a média móvel dos últimos sete dias está em 661,7 casos por dia
Resende falou que a partir de segunda-feira, com a implementação do programa Rastrear MS, desenvolvido em parceria entre o governo do Estado e a Organizão Pan-Americana – OPAS, espera reduzir esses números.

Explicou que o programa permitira um melhor monitoramento dos casos confirmados e suspeitos e ainda o rastreamento da rede de contatos dessas pessoas, possibilitando uma detecção precoce da doença e consequentemente o isolamento ou encaminhamento para tratamento.

Resende voltou a falar também sobre a elevada taxa móvel de óbitos. Nesta quinta foram confirmadas mais 13 mortes, sendo 7, somente em Campo Grande. Disse que a média móvel é de 12 óbitos por dia e que desde o início da pandemia o estado já perdeu a vida de 1.217 pessoas para a doença.

Dados da secretaria apontam que o estado tem 6.542 casos ativos de Covid-19, sendo que 6.086 infectados cumprem isolamento domiciliar e 456 estão hospitalizados, dos quais 235 em unidades de terapia intensiva (UTIs). A taxa de ocupação de leitos de UTI do Sistema Único de Saúde (SUS) chegou a 56%.

Em contrapartida, das pessoas que contraíram a doença, 58.667 se recuperaram, o que representa 88,3%.

O estado tem 1.084 amostras de testes da Covid-19 na fila do Laboratório Central (Lacen), em Campo Grande e os municípios possuem 3.055 casos suspeitos sem encerramento. Desde o começo da pandemia já foram realizados em Mato Grosso do Sul 256.864 testes.

Prosseguir

O secretário estadual de Governo e Gestão Estratégica, Eduardo Riedel, apresentou hoje o novo mapa do programa Prosseguir, que mostra o nível de risco da Covid-19 para cada município.

Segundo ele, 33 municípios mantiveram o seu grau de risco, 31 melhoraram, mas 15 pioraram.

O secretário avaliou que esse último dado, que aponta a piora da avaliação de algumas cidades demonstra que o coronavírus ainda está muito presente no estado.

De positivo destacou o avanço da situação de 31 municípios e que o estado nesta 38ª semana epidemiológica não tem nenhuma cidade com a bandeira cinza, que indica grau extremo de risco.

G1