Bombeiros rastreiam mata à caça de vítimas de queda de helicóptero que explodiu - Jornal Correio MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

12/09/2020

Bombeiros rastreiam mata à caça de vítimas de queda de helicóptero que explodiu

Aeronave caiu e logo em seguida foi incendiada. Suspeita é de que estava sendo usada para atividade ilegal, como tráfico de drogas

Destroço do helicóptero que caiu em fazenda de Ivinhema ©DIVULGAÇÃO
Quase 24h depois da queda de helicóptero em fazenda do município de Iguatemi, município a 282 quilômetros de Campo Grande, o destino de ocupantes da aeronave ainda é mistério. A polícia ainda não sabe quem pilotava o aparelho, se morreu na queda seguida de incêndio, e foi carbonizado, ou se fugiu.

O Corpo de Bombeiros, que esteve no local ontem para combater o fogo, hoje voltou com uma equipe pela manhã e à tarde, enviou outra guarnição, agora equipada para fazer uma varredura em busca de vítimas.

Existe a suspeita de uso do helicóptero para transporte de drogas, principalmente de cocaína. A queda aconteceu ontem à tarde, por volta das 16h. Logo depois, o aparelho entrou em combustão.

A região é de mata e por isso as buscas são ainda mais complexas. Os bombeiros enfrentam, nesta tarde, calor de quase 40 graus para fazer o trabalho.

Perícia - Pela manhã segundo divulgado, foi feita perícia inicial da Polícia Civil. Mas o levantamento técnico específico ficou marcado para segunda-feira (14), por equipe do Dracco (Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado), responsável pela investigação por meio da equipe denominada “Ícaro”.

“Desde ontem, a equipe empreende diligências de sua especialidade em atendimento de sinistros para apurar prefixo, passageiros, rotas e dinâmicas do acidente”, informou a delegada Ana Cláudia Medina, que comanda o Dracco.

Segundo ela, a prioridade é a localização de possíveis vítimas.

Fonte: CAMPO GRANDE NEWS
Por Marta Ferreira