POLITICANDO| Por: Jota Menon - Jornal Correio MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

21/08/2020

POLITICANDO| Por: Jota Menon


CORONAVÍRUS 

Apesar de vivermos em pleno período de pré-campanha eleitoral, o que sentimos é que parece que nem haverá eleição municipal nesse ano no Brasil. Tudo o que se vê, inclusive nos links dos sites da Internet direcionados aos fatos políticos, são notícias relacionadas ao Novo Coronavírus. 

CORONAVÍRUS (1) 

No site Midiamax, por exemplo, há várias notícias de prefeituras municipais relacionadas ao lançamento de processos de licitação para aquisição de produtos destinados a equipar as secretarias municipais de Saúde para o combate ao vírus ordinário. 

CANDIDATURAS 

Apesar dessa calmaria provocada pela Covid-19, nos bastidores o clima é de fervura no caldeirão. Em Maracaju, por exemplo, como mostrado em matéria na semana passada, são nove pré-candidatos, entre homens e mulheres, de olho na cadeira onde se senta, hoje, o médico Maurílio Ferreira Azambuja, do MDB. 

CANDIDATURAS (1) 

Já na Capital do Estado relacionam-se até 20 nomes como pré-postulantes ao posto de prefeito municipal, mas, acredita-se que o número poderá ser menor depois de alguns “entendimentos” costurados nos bastidores. 

PREVISÕES 

Diante das indefinições, até mesmo os analistas políticos mais experientes radicados na Capital preferem esperar a decisão do PSDB sobre que rumo vai tomar quanto ao pleito de novembro vindouro. Dependendo de como se posicionar a direção tucana, a leitura do possível prognóstico relacionado ao primeiro na Capital ficará mais fácil. 

PREVISÕES (1) 

O PSDB pode lançar candidatura própria ou apoiar a reeleição do prefeito Marquinhos Trad (PSD). Essa segunda tendência teria a preferência do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), mas encontra resistência em alguns setores da cúpula tucana que pode ficar sem candidato também na cidade de Dourados e o partido do governador ir a reboque nos dois maiores colégios eleitorais do Estado seria algo impensável para algumas cabeças pensantes do partido. Vai daí que... 

MORTE 

Outra notícia política relacionada ao Novo Coronavírus, infelizmente, relaciona-se à morte da vice-prefeita da cidade de Inocência, localizada na região do Bolsão a 330 km de Campo Grande. Neusa Dias Junqueira, de 58 anos, foi mais uma vítima da Covid-19 e seu falecimento foi divulgado pelo prefeito do município, José Arnaldo Ferreira de Melo no domingo, 9. Neusa começou a passar mal há cerca de 10 dias e teve que ser transferida para Três Lagoas, mas não resistiu. Foi o primeiro óbito registrado no município. 

MORTE (1) 

Vereadora por três mandatos antes de se eleger vice-prefeita, Neusa era muito querida na cidade onde a população acompanhou consternada a chegada do carro funeral desde a entrada da cidade até a entrada do cemitério público do município. 

É FORTE! 

O cara é forte e põe medo mesmo, hein? A notícia saiu em seis sites de várias cidades de Mato Grosso do Sul e ninguém teve (aquilo mesmo) coragem para publicar uma notinha em sites de Maracaju. O cabra é macho que é só um preá e a turma borra as calças... É isso mesmo? 

VIVA O PORCO! 

Quero ser muito elegante nesse finalzinho de coluna e nem vou lembrar que tem gente trabalhando de cabeça inchada, mas, tenho certeza de que essa pessoa saberá que esse Viva o Porco dessa semana é dedicado a ela que mora no meu coração e não paga aluguel. Viva o Porcooooooooooooo! 

***