PARANAÍBA| Município comemora 163 anos sem celebrações em decorrência da pandemia - Jornal Correio MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

04/07/2020

PARANAÍBA| Município comemora 163 anos sem celebrações em decorrência da pandemia

Cidade tem 132 casos confirmados do novo coronavírus, sendo duas mortes

A cidade possui mais de 40 mil habitantes, conforme o IBGE ©DIVULGAÇÃO
A cidade de Paranaíba, distante 413 quilômetros de Campo Grande, completa 163 anos de emancipação neste sábado. Em situação de pandemia, não estão previstas comemorações para celebrar o aniversário do município, porém, foi divulgado nas redes sociais da prefeitura vídeo institucional para não deixa a data passar em branco.

Conhecida como a “Capital do Bolsão”, a cidade foi povoada pelos índios e tempos depois, por volta de 1.700, colonizada por famílias vindas de Minas Gerais, Sant’Ana do Paranaíba firmou-se às margens do Rio Ariranha.

Conforme vídeo divulgado hoje, a cidade teve uma participação muito importante na Guerra do Paraguai. Serviu de rota de apoio logístico e de fuga dos civis envolvidos no conflito, tendo como pontos máximos a atuação de José Francisco Lopes em 1867, o Guia Lopes, na célebre retirada da Laguna, e a documentação de Alfredo de Taunay, o Visconde de Taunay, que atravessou a região neste ano registrando suas observações sobre os habitantes.

A cidade foi elevada a município em 1857 e inicialmente denominada “Sant’Ana do Paranaíba”, em homenagem à padroeira da cidade.

Atualmente, o município é referência no agronegócio, além de ser polo universitário da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) e da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul).

Pandemia – De acordo com a SES (Secretaria Estadual de Saúde), a cidade registrava, até esta sexta-feira, 132 casos confirmados do novo coronavírus, sendo duas mortes.

O prefeito, Ronaldo Miziara do PSDB se manifestou sobre o momento nas redes sociais. "Estamos comemorando os 163 anos da nossa querida Paranaíba de uma maneira que nos não queríamos. Mas, nós torcemos para o melhor presente que a Paranaíba pode ganhar é vencer essa pandemia". 


Por Tainá Jara