Manifestação em Campo Grande pede o fim da violência contra negros e indígenas - Jornal Correio MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

06/06/2020

Manifestação em Campo Grande pede o fim da violência contra negros e indígenas

Ato ocorreu mesmo com a proibição do Tribunal de Justiça do Estado e reuniu cerca de 100 pessoas, de acordo com a Polícia Militar.

Manifestantes se reuniram na praça do rádio em Campo Grande — Foto: Claudia Gaigher/TV Morena
Mesmo com a proibição da Justiça, manifestantes se reuniram na praça do Rádio em Campo Grande na tarde deste sábado (6) para se oporem a violência contra negros e indígenas. O ato denominado "Vidas Negras importam" reuniu principalmente jovens que reivindicaram ações de combate a discriminação no país.

Com cartazes, os manifestantes também lembraram dos assassinatos da vereadora Marielle Franco, do PSOL, e do motorista Anderson Gomes, no Rio de Janeiro há mais de 2 anos.

A Polícia Militar acompanhou o protesto e informou que cerca de 100 pessoas estavam no local, não houve incidentes.

Uma decisão do Tribunal de Justiça do Estado de 31 de março proíbe manifestações em Mato Grosso do Sul durante a pandemia do coronavírus.
Com cartazes, manifestante lembraram a morte de Marielle Franco — Foto: Cláudia Gaigher/TV Morena


Por G1 MS