CAARAPÓ| Prefeitura entrega respirador mecânico ao Hospital São Mateus - Jornal Correio MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

20/05/2020

CAARAPÓ| Prefeitura entrega respirador mecânico ao Hospital São Mateus

Momento da entrega do ventilador pulmonar, na terça-feira, em Caarapó ©DIVULGAÇÃO
A prefeitura de Caarapó acaba de realizar mais uma relevante ação de combate à pandemia do novo coronavírus no município. Desta vez, trata-se de um importante investimento: a aquisição de um ventilador pulmonar, imprescindível no tratamento de doenças pulmonares, notadamente a Covid-19.

A entrega do aparelho foi feita na manhã de terça-feira (19) ao Hospital São Mateus, da cidade de Caarapó, de caráter filantrópico, em ato que teve a presença do prefeito André Nezzi (PSDB), vice-prefeito Gordo da Tigre (DEM), presidente da Câmara, Marinalva de Souza Farias da Costa (PSDB) e vereadores Pipoca (PSDB), Manoelito Bagaceira (PSDB) e Gilberto Segóvia (PSDB), além do presidente da casa de saúde, Mário Duran Leita e da administradora Conceição Piccolo e do secretário municipal de Saúde, Valberto Ferreira costa.

De acordo com o prefeito de Caarapó, o investimento na aquisição do respirador foi de R$ 70 mil, adquirido através de uma ação conjunta entre a prefeitura e a Câmara de Vereadores. “Tivemos a sorte de conseguir comprar este equipamento, diante da grande procura em todo o país. Ele já pode ser montado e pronto para ser usado. Com essa aquisição, temos agora quatro respiradores disponíveis no hospital, número satisfatório para um município do nosso porte. Essa é mais uma resposta imediata da nossa administração no combate ao coronavírus”, destacou André Nezzi.

O uso do ventilador é indicado para reanimação cardiorrespiratória; hipoventilação e apneia, como nos casos de lesões no centro respiratório, intoxicação ou abuso de drogas; insuficiência respiratória devido a doença pulmonar; falência mecânica do aparelho respiratório: doenças neuromusculares, paralisia (fraqueza muscular); estímulo respiratório instável (trauma craniano, acidente vascular cerebral, intoxicação exógena e abuso de drogas); prevenção de complicações respiratórias: pós-operatório de cirurgias de grande porte – abdominais, torácicas, obesidade mórbida; diminuição do trabalho muscular respiratório evitando fadiga muscular.

Gerador do hospital

Outra boa notícia dada pelo dirigente caarapoense é a instalação de um gerador de energia no prédio do hospital São Mateus, que já foi iniciada. A obra, em torno de R$ 43 mil, foi uma doação da fazenda Campanário, intermediada pelo vice-prefeito Gordo da Tigre.

“Lembramos que nosso município deixou ainda uma quantia reservada de R$ 150 mil, que será gerida pelo Comitê Municipal de Combate ao Coronavírus, para atender o São Mateus durante a pandemia, caso necessário. Também temos reservados um valor de até R$ 700 mil que será aplicado como contrapartida na reforma e ampliação do hospital, prevista para ter início nas próximas semanas”, informou o dirigente caarapoense.

Covid-19 em Caarapó

A última atualização do boletim referente à Covid-19 em Caarapó, do comitê local, indica a existência de “Casos Zero” no município em 19 de maio. Os dois registros positivos anunciados semanas atrás foram “importados” – dois homens residentes em Osasco-SP testaram positivo para a doença.

O presidente do comitê de combate ao coronavírus, Sílvio Ueda, informou na manhã desta quarta-feira (20) que tem informações de que os dois homens – que não estão mais em Caarapó – já estão curados da Covid-19. Do total de 21 coletas de exames realizadas no município, 17 testaram negativo, dois aguardam resultado e dois deram positivo – os dois casos oriundos de Osasco.

Conforme o comitê, os casos monitorados apresentam os seguintes números: 15 de síndromes gripais; 9 contactantes; 24 em monitoramento; 143 altas de monitoramento.

“Vamos redobrar os cuidados. O isolamento continua sendo a melhor forma de evitar o contágio. Se puder, fique em casa. Se precisar sair, use máscara, não se esqueça de usar o álcool em gel, evita filas e aglomerações. Cuide de quem você ama. Essa pandemia vai passar”, alerta o médico Sílvio Ueda.

Por: Dilermano Alves