Vídeo mostra momento de confusão e tiro que matou jovem em posto - JORNAL CORREIO MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

26/01/2020

Vídeo mostra momento de confusão e tiro que matou jovem em posto

Policial militar de folga teria feito disparo que matou jovem

©REPRODUÇÃO/VÍDEO
Um vídeo feito por um cliente de uma casa noturna em Ivinhema, a 291 quilômetros de Campo Grande, mostra o momento da confusão e o tiro que matou Gustavo Henrique Azevedo da Silva, de 19 anos, na madrugada deste sábado (25). As imagens foram divulgadas pelo site Nova News.

Nas imagens – que foram compartilhadas em redes sociais -, é possível ver quando alguém que está dentro do automóvel efetua o disparo e, na sequência, o carro deixa o pátio do posto, enquanto a vítima fica no chão. É possível observar o espanto de algumas pessoas com a cena e até mesmo alguns gritos de populares que se assustaram com o que estava acontecendo.

O crime aconteceu durante a madrugada de sábado. O policial militar fazia rondas pela Avenida Brasil, quando ao passar perto do posto, se deparou com uma aglomeração de pessoas. Na ocasião viram a vítima caída. Testemunhas afirmaram que momentos antes houve uma briga e o motorista de um carro preto foi agredido, ocasião em que o passageiro do carro teria dado um tiro.

A equipe iniciou buscas pelo suspeito, quando ele se apresentou ao quartel, identificando-se como um soldado da PM. Ele então foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, onde relatou sua versão sobre o ocorrido. O PM alegou que estava com amigos no pátio do posto de combustíveis, quando um deles se envolveu em uma briga.

O suspeito afirma que tentou separar e chamou os amigos para irem embora do local. Porém, quando todos estavam dentro do veículo, Gustavo e outras pessoas teriam supostamente cercado o automóvel. Gustavo teria dado um soco do PM que, ao perceber que a vítima fez menção de pegar algo na cintura, atirou uma vez com pistola.

O soldado relatou ainda que no momento em que chegava ao quartel da PM, um grupo em uma picape e em duas motos passou atirando e ele revidou. Mais tarde, a polícia constatou no hospital que Gustavo deu entrada com um disparo no tórax e outra pessoa chegou procurando atendimento com um ferimento na perna. A Polícia Civil investiga o caso.





Fonte: Midiamax
Por: Dayene Paz