Operação prende suspeito de matar homem com 14 tiros em Dourados - JORNAL CORREIO MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

16/01/2020

Operação prende suspeito de matar homem com 14 tiros em Dourados

Segundo testemunhas, duas pessoas encapuzadas num carro branco chegaram ao local se dizendo ser policiais

Suspeito de matar homem com 14 tiros é conhecido por Alemão e já tem condenação por homicídio ©Adilson Domingos
A Polícia Civil de prendeu na manhã desta quinta-feira (16), em Dourados, cidade a 233 quilômetros de Campo Grande, o homem, de 36 anos, suspeito de ter invadido a casa e matado Eduardo Júnior de Souza, de 38 anos, com 14 tiros. O crime aconteceu no dia 24 de novembro de 2019, no Jardim Canaã I.

O suspeito, conhecido por Alemão, foi preso por fraude processual. Durante cumprimento dos mandados de busca e apreensão, ele quebrou dois aparelhos celulares com uma marreta. De acordo com a polícia, o preso já tem condenação por homicídio.

A Operação Caronte, nome em alusão ao barqueiro que na mitologia grega transportava os mortos, teve participação da SIG de Dourados e de Rio Brilhante, da DAM (Delegacia de Atendimento à Mulher) e da Defron (Delegacia de Repressão aos Crimes de Fronteira).

Ao todo foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão. Uma mulher, foi ouvida e liberada pela polícia.

Homicídio - Eduardo Júnior de Souza, de 38 anos, foi morto com 14 tiros dentro da própria casa, na Rua Projetada 14 no Jardim Canaã I, em Dourados. Eles entraram na casa onde a vítima morava com a família e deram várias coronhadas e murros em Eduardo.

Em seguida os encapuzados saíram da casa, mas antes de chegar à esquina, voltaram ao local e efetuaram vários tiros de pistola contra Eduardo que acabou morrendo no local, na frente da filha de 14 anos e da mãe.

Fonte: campograndenews
Por: Fernanda Palheta - Colaborou Adilson Domingos