Valor investido pelo deputado Márcio Fernandes em cidades do MS alcança 3 milhões - JORNAL CORREIO MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

27/11/2019

Valor investido pelo deputado Márcio Fernandes em cidades do MS alcança 3 milhões

©DIVULGAÇÃO
Com o anúncio de 1,5 milhão em recursos para Mato Grosso do Sul nesta terça-feira, os investimentos que o Deputado Marcio Fernandes (MDB) está promovendo em Mato Grosso do Sul alcançam 3 milhões de reais, distribuído em 30 cidades.

Além dos recursos que já estavam programados desde 2017, Marcio Fernandes confirmou ontem investimentos em 21 cidades de Mato Grosso do Sul, incluindo a entrega de Castramóveis, que são veículos equipados com uma clínica de castração para cães e gatos, centro cirúrgico, equipamentos para a saúde e materiais para educação.

De acordo com o deputado, as decisões são sempre tomadas com base em uma análise detalhada das principais necessidades de cada município. "Levantamos quais são as prioridades de cada cidade, ouvimos a população e as lideranças, como prefeitos e vereadores que procuram meu gabinete para relatar as condições da cidade", explica o parlamentar, lembrando que "todo cidadão ou entidade pode enviar solicitações, seja por meio das redes sociais ou protocolar documentos no meu gabinete detalhando a necessidade desses recursos".

Este ano, as cidades que entraram na programação foram Campo Grande, Antônio João, Aquidauana, Bela Vista, Bonito, Coxim, Camapuã, Dois Irmão do Buriti, Jardim, Nova Andradina, Ponta Porã, Sonora, Chapadão do Sul, Sidrolândia, Jaraguari, Alcinópolis, Bandeirantes, Coronel Sapucaia, Laguna Carapã, Sonora e Nova Alvorada do Sul. Já constavam na programação cidades como Dourados, Maracaju, Brasilândia, Terenos, Aparecida do Taboado, Corumbá, Naviraí, Ribas do Rio Pardo e Anastácio.

Entre as diversas ações anunciadas, como pavimentação e reforma de escolas, se destaca a aquisição de diversos castramóveis. Como Médico Veterinário, Marcio Fernandes é o parlamentar que mais atua na causa animal, com ações que impactam positivamente na saúde pública.

"São diversos os critérios de escolha das cidades e dos recursos para cada. Um exemplo é que estudando dados de violência contra a mulher e os serviços disponíveis em cada cidade apontaram que Chapadão do Sul e Sonora devem receber uma Sala Lilás para atendimento a mulheres, crianças e adolescentes vítimas de violência ou abusos. Dados da Secretaria de Saúde também definiram onde devemos investir em atendimento de emergência ou castramóvel, assim como um relatório da Educação e suas necessidades pelo Estado", concluiu Marcio Fernandes.

Os investimentos anunciados são feitos por meio de Emenda Parlamentar, e essa relação é entregue ao Governo do Estado, que faz a coleta dos documentos e realiza as licitações e entrega dos recursos.

Por: Fernando Hassessian