“Investimento de R$ 200 milhões do Governo para Dourados e região é uma grande conquista”, celebra Barbosinha - JORNAL CORREIO MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

26/11/2019

“Investimento de R$ 200 milhões do Governo para Dourados e região é uma grande conquista”, celebra Barbosinha

©DIVULGAÇÃO
O anúncio de que mais de R$ 200 milhões serão investidos em obras viárias nos próximos três anos na região de Dourados deixou o deputado Barbosinha (DEM-MS) extremamente empolgado. O parlamentar acompanhou de perto as reuniões dos 17 prefeitos atendidos na sexta edição do Programa Governo Presente que aconteceu entre os dias 20 a 22 na cidade de Dourados.
©DIVULGAÇÃO
“Durante estes três dias acompanhei as agendas dos gestores municipais que trouxeram suas reivindicações e as demandas para suas cidades. Saio confiante de que o governo dá um passo importante, principalmente na nossa Dourados que tanto necessita de obras estruturantes. É uma pauta pioneira que o Governo tem feito em todo o Mato Grosso do Sul e quem ouve seus prefeitos, vices, vereadores e até as demandas dos deputados estaduais tem mais chance de acertar e fazer investimentos sensatos e necessários a cada localidade”, disse o deputado Barbosinha.
©DIVULGAÇÃO
Investimentos em Dourados

O deputado levou ao governador Reinaldo Azambuja um ofício pedindo a execução de obras de infraestrutura no município de Dourados para serem incluídas no plano de investimentos do Programa Governo Presente.

Barbosinha pede a conclusão rápida da 1ª fase Hospital Regional de Dourados e garantia de recursos para a 2ª fase; recapeamento e revitalização de aproximadamente 83 km das linhas de ônibus, conforme levantamento já encaminhado à Agesul; duplicação de trechos da Avenida Coronel Ponciano e melhorias no cruzamento que dá acesso à BR-163 (trevo do DOF), e duplicação da MS-156 até o Distrito Industrial; pavimentação asfáltica da MS-274 ligando os distritos de Macaúba a Porto Wilma; construção de ponte de concreto sobre o rio Dourados, na MS-274 e a construção do terminal de passageiros do aeroporto de Dourados.

Dentre as obras anunciadas pelo Governo do Estado, já incluídas no plano de investimentos, estão a construção da extensão do Anel Viário Sul e o Anel Viário Norte de Dourados, a duplicação da MS-156, que dá acesso ao Distrito Industrial, a duplicação da Rua Coronel Ponciano, obra essencial na avaliação do deputado Barbosinha.

Obras em Dourados

“Dourados já tem recebido investimentos estaduais nos últimos anos. Temos feito essa interlocução com o Governo e levado pleitos importantes para o governador Reinaldo e o vice-governador, Murilo Zauith. Eles têm entendido a necessidade de estabelecer essa parceria com nosso município, considerando a importância estratégica da nossa cidade, e trazendo para cá obras importantes. Somos o maior município do interior do Estado e precisamos voltar a ser um polo de desenvolvimento da nossa região. Esta é a oportunidade de retomarmos todo protagonismo de Dourados”, avaliou Barbosinha.

Nos últimos anos Dourados tem recebido do Governo do Estado importantes investimentos e repasses que somam cerca de R$ 900 milhões. O valor considera recursos aplicados entre janeiro de 2015 e outubro de 2019 em infraestrutura, desenvolvimento, saneamento, saúde, educação e segurança.

Outros pleitos para os municípios

O deputado Barbosinha também levou ao conhecimento do governador Reinaldo Azambuja a importância de algumas obras nos municípios de Angélica, Anaurilândia de Deodápolis.

Para Angélica o parlamentar apontou como prioridade de investimento a drenagem e pavimentação asfáltica da Avenida Francisco Marcolino da Costa. Importante via do município onde mais de 800 famílias serão beneficiadas. No município de Anaurilândia o deputado assinala como pauta prioritária, para receber investimentos estaduais, a implantação de drenagem e pavimentação asfáltica da Estrada do Gavião e adjacências. Já para a cidade de Deodápolis, Barbosinha relatou que a licitação do projeto da travessia urbana do município, no trecho da MS-276 e trecho da MS-145, são prioridades da atual gestão. Neste caso o projeto encontra-se conferido e aprovado para licitação.

Por: Luciana Bomfim