TRÊS LAGOAS| Capitania Itinerante atinge 200 atendimentos e Marinha do Brasil continua no Município para fiscalizações - JORNAL CORREIO MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

18/10/2019

TRÊS LAGOAS| Capitania Itinerante atinge 200 atendimentos e Marinha do Brasil continua no Município para fiscalizações

©DIVULGAÇÃO 
O Comando do Sexto Distrito naval da Marinha do Brasil, por meio da Capitania Fluvial do Pantana, por meio da Capitania Fluvial do Pantanal, encerrou nesta sexta-feira (18), os atendimentos do Projeto Capitania Itinerante em Três Lagoas. Desde segunda-feira (14), uma equipe de cinco inspetores navais estão no Município realizando procedimentos burocráticos e documentais para facilitar a vida de quem possui barcos, lanchas e outros, assim como para quem é aquaviário e amador.

A Capitania Itinerante está instalada na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SEDECT) realizando serviços de inscrição, registro, renovação, transferência de propriedade e emissão de 2ª via para embarcações; renovação da caderneta de inscrição e registro, emissão de 2ª via e mudança de categoria para aquaviários e renovação da carteira de arrais amador.

©DIVULGAÇÃO
Além disso, a equipe da Marinha realizou trabalho vistorias em embarcações, fiscalização e orientação nos rios Paraná e Sucuriú, aos proprietários de barcos e lanchas, sobretudo, ao uso do colete salva-vidas. No fim de semana, os inspetores navais prestaram apoio em uma ocorrência de busca e salvamento.
No posto itinerante, até o início desta tarde, foram contabilizados 200 atendimentos. O Suboficial Queiroz considera extremamente positiva a ação em Três Lagoas. “Ficamos muito satisfeitos com o resultado da Capitania Itinerante, já que conseguimos facilitar o acesso a documentos e renovações de tantas pessoas dessa região. O nosso objetivo é que Três Lagoas tivesse a melhor impressão da Marinha do Brasil, pois, órgãos fiscalizadores nem sempre são bem vistos. Nesta semana de atividades, inspecionamos mais de 35 Embarcações, realizando apenas uma notificação”, explanou o Suboficial.

Para o aposentado e aquaviário José Roberto Vieira, o Projeto foi uma “mão na roda”. “Tanto o atendimento, quanto o serviço oferecido está de parabéns. Vim renovar minha caderneta de inscrição, se não fosse Posto instalado aqui em Três Lagoas, eu teria que ir até Corumbá para fazer isso”, disse. Moradores de Bataguassu, Campo Grande, Presidente Epitácio – SP, e cidades do interior paulista também aproveitaram a facilidade.

O Suboficial Queiroz, em nome da Capitania Fluvial do Pantanal, agradeceu o apoio da Prefeitura de Três Lagoas, da Polícias Civil, Militar Ambiental e Corpo de Bombeiros pela parceria nas ações desempenhadas no Município.

“Os procedimentos administrativos encerram hoje, mas as ações de fiscalização do tráfego aquaviário permanece no Município para fiscalização nos rios Sucuriú, Paraná e Rio Verde, em sua extensão até Bataguassu. Não temos ponto fixo e nem hora certa, pois, nossa meta é alertar sobre a importância da regularização de documentos, riscos devido o uso de bebidas alcoólicas e utilização do colete salva-vidas, para qualquer um que esteja em embarcações”, nossa Missão: É a salvaguarda da vida humana, prevenção da poluição ambiental por parte das embarcações e a segurança do tráfego aquaviário." finalizou.

ASSECOM