Sebrae apresenta dicas para organização de feira de produtor em Sidrolândia - JORNAL CORREIO MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

09/09/2019

Sebrae apresenta dicas para organização de feira de produtor em Sidrolândia

Feira é mais um canal de comercialização direta entre produtores e consumidores

©DIVULGAÇÃO
O trabalho dos produtores rurais ganha espaço em feiras que acontecem dentro do município, ampliando o canal de comercialização direta com os consumidores. Pensando nessa socialização das pessoas e a busca por mais qualidade de vida, o Sebrae/MS colocou a temática em pauta nesta segunda-feira (09), em Sidrolândia, na palestra “Guia Prático de Uma Feira de Sucesso”.

A ação faz parte do Cidade Empreendedora, programa de aceleração econômica com foco na melhoria do ambiente de negócios desenvolvido pela Prefeitura e a instituição de apoio aos pequenos negócios. O consultor do Sebrae/MS, Luis Cesar Pivovar, destaca que o primeiro passo para uma feira é identificar os potenciais produtos a serem comercializados e os produtores.

“A participação do poder público é fundamental. A gestão pública deve contribuir com a identificação do local onde a feira será implantada, que pode ser em rua, praça, galpão ou outro local mais adequado”, pontuou. Para ganhar força, outro passo importante é reunir todos os interessados e construir um grupo unido e voltado para o desenvolvimento da feira.

Segundo Pivovar, uma feira atraente deve ter barracas padronizadas, exposição organizada e um layout que possibilite uma estruturação que atraia os frequentadores. Os organizadores também devem considerar a localização da praça de alimentação e das barracas de artesanato e produtos semelhantes. Além disto, os banheiros devem estar em lugares reservados.

O consultor aponta outros itens que merecem atenção na hora de montar a feira, como a cobrança de preços justos e agregar valor aos produtos com alimentos processados. Por fim, a feira precisa ter variedade e a capacitação constante dos feirantes.

Nessa era conectada, é preciso ter presença digital. “É necessário utilizar todos os recursos para atrair mais frequentadores. Whatsapp, Facebook, Instagram, entre outras redes disponíveis para fidelizar o cliente, além de disponibilizar máquinas de cartão como meio de pagamento”, citou Pivovar.

Um dos coordenadores das feiras no município, Benedito Rodrigues, destacou que cada passo para fomentar o desenvolvimento e o aprendizado para melhorar o atendimento traz ganhos para todos. “Somente com a parceria do Sebrae nessa palestra já entendemos melhor sobre como trabalhar a forma de abordagem para atrair mais pessoas para a feira e gerar mais renda para o nosso sustento”, falou.

A produtora Marlene de Souza, que comercializa manteiga e queijo caseiros, também participou da palestra. “São novas ideias para que a gente melhore cada vez mais”. Para a produtora Maria Cristina Quirino, a palestra mostrou que a união do grupo pode gerar mais resultados. “É muito importante ter essa discussão, principalmente, para quem está começando. Quando a gente trabalha junto, consegue produzir mais, vender mais e lucrar mais, além de oferecer mais qualidade para os consumidores”, comentou.

Cidade Empreendedora

Os interessados em conhecer mais sobre a metodologia do programa e detalhes sobre os trabalhos realizados em Mato Grosso do Sul devem entrar em contato com a Central de Relacionamento do Sebrae no telefone 0800 570 0800 ou pelo site: www.sebraecidadeempreendedora.com.br.

ASSECOM