CAARAPÓ| Município debate os direitos da pessoa idosa - JORNAL CORREIO MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

03/09/2019

CAARAPÓ| Município debate os direitos da pessoa idosa

Membros do Conselho Municipal do Idoso de Caarapó ©DIVULGAÇÃO
A prefeitura de Caarapó, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, com apoio do Conselho Municipal de Direitos do Idoso (CMDI), realiza na tarde desta terça-feira (3) o evento denominado Reunião Ampliada dos Direitos da Pessoa Idosa. O encontro será realizado no CRAS Urbano, com início previsto para as 13h.

A reunião será palco de debates do tema “Os Desafios de Envelhecer no Século XXI e o Papel das Políticas Públicas”, tendo como palestrante a professora Dra. Márcia Regina Martins Alvarenga, Pró-reitora de Extensão, Cultura e Assuntos Comunitários da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), tendo como eixos temáticos: I - Direitos Fundamentais na Construção/Efetivação das Políticas Públicas - Subeixos: Saúde, Assistência Social, Previdência, Moradia, Transporte, Cultura, Esporte e Lazer; II - Educação: assegurando direitos e emancipação humana; III - Enfrentamento da Violação dos Direitos Humanos da Pessoa Idosa; e IV - Os Conselhos de Direitos: seu papel na efetivação do controle social na geração e implementação das políticas públicas.

As discussões têm como objetivo, diante dos desafios do crescente envelhecimento da população brasileira neste Século XXI, congregar representações de todo o país para, além de avaliar a efetividade das ações em execução, discutir e propor medidas que garantam os Direitos Fundamentais da Pessoa Idosa, como Saúde, Assistência Social, Previdência, Moradia, Transporte, Educação, Cultura, Esporte e Lazer; Políticas Públicas promovidas pela União, Estados, Distrito Federal e Municípios, assegurando os Direitos Fundamentais da Pessoa Idosa, garantindo um envelhecimento digno, sem qualquer forma de discriminação, de violência e de violação dos Direitos Humanos da pessoa idosa; Medidas para o fortalecimento dos Conselhos de Direitos da Pessoa Idosa na efetivação dos Direitos Fundamentais, das Políticas Públicas e do seu controle social.

Os organizadores do evento avaliam que é importante a presença de todos, mas especialmente dos envolvidos com a questão, pois este será um momento único para reunir representantes do governo e da sociedade civil organizada, especialmente das próprias pessoas idosas, para debater os principais desafios e decidir as prioridades para as políticas públicas que refletem no envelhecimento da população e na condição de vida das pessoas idosas, atualmente e nos próximos anos.


ASSECOM