TRÊS LAGOAS| Vacinação contra Influenza alcança 73% do índice de cobertura de imunização no município - JORNAL CORREIO MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

06/05/2019

TRÊS LAGOAS| Vacinação contra Influenza alcança 73% do índice de cobertura de imunização no município

Da população estimada de 30.472 pessoas dos grupos prioritários de risco, 22.246 foram vacinadas 

©DIVULGAÇÃO
O “Dia D”, Dia de Mobilização Nacional da Campanha de Vacinação contra a Gripe Influenza A, no sábado (04), obteve resultados positivos para Três Lagoas alcançar as esperadas metas de cobertura de imunização das pessoas dos grupos prioritários de risco, estabelecidos pelo Ministério da Saúde.

Em todos os 18 locais de vacinação, as equipes da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) vacinaram mais de 15 mil pessoas, das 8h às 17 h, alcançando o total parcial de 22.246 doses de vacina já aplicadas em Três Lagoas, ou seja, o equivalente a 73% de cobertura vacinal, levando em conta os resultados que já haviam sido obtidos, desde o dia 10 de abril, início oficial da campanha.

Para Três Lagoas alcançar a meta de 100% de cobertura vacinal contra a Gripe, é necessário ainda imunizar mais de 8,2 mil pessoas. Para isso, a Campanha de Vacinação continua em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) e unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESF), até dia 31 de maio.

RELATÓRIOS PARCIAIS

Segundo relatórios parciais, divulgados pela Coordenadora do Setor de Imunização da SMS, enfermeira Humberta Azambuja, a cobertura de vacinação contra a Gripe Influenza A apresenta os seguintes resultados, em Três Lagoas: Das 10.406 pessoas idosas que precisam ser vacinadas, 7.692 já foram imunizadas, o que representa 73,92%; das 9.020 crianças de seis meses a 6 anos incompletos, já foram imunizadas 6.333, ou seja, 70,21% do total estimado; dos 3.153 trabalhadores da Saúde, 2.709 foram vacinados, ou seja, 85,92%; das 5.042 pessoas com doenças crônicas, 3.089 receberam a vacina (61,27%); entre as 1.427 gestantes, somente 593 foram vacinadas, o equivalente a 41,56%; das 234 puérperas, mulheres que deram à luz recentemente, 122 foram vacinadas, representando 52,14% do total estimado; e dos 1.190 professores e professoras que trabalham em sala de aula da Rede Pública e Particular de Ensino, 867 foram vacinados, representando 72,86%.

QUEM DEVE RECEBER A VACINA

A vacina continua disponível em todas as Unidades Básicas de Saúde (Postinhos), até dia 31 de maio, para todas as pessoas que estão incluídas nos Grupos Prioritários de Risco, que ainda não foram imunizadas.

Devem procurar a vacina: crianças de seis meses a seis anos incompletos; gestantes em qualquer tempo de gravidez; idosos e idosas acima de 60 anos; profissionais da Saúde, mediante a comprovação da respectiva função; as puérperas, que são as mulheres que deram à luz recentemente, ou seja, até 45 dias após o parto; doentes crônicos, com apresentação obrigatória de receita médica; professores e professoras que trabalham em sala de aula na Educação pública e particular, também mediante apresentação de comprovação funcional, por meio de holerite ou crachá; e adolescentes e jovens, de 12 a 21 anos, em cumprimento de medidas sócio educativas em UNEI – Unidade Educacional de Internação.
©DIVULGAÇÃO

ASSECOM