Sanesul assume área no Parque das Nações Indígenas para desenvolver projetos ambientais e culturais - JORNAL CORREIO MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

23/05/2019

Sanesul assume área no Parque das Nações Indígenas para desenvolver projetos ambientais e culturais

Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul) assumiu o controle da Casa do Pantanal e vai oferecer atividades para toda a comunidade

Termo de cessão foi assinado na Governadoria pelo presidente da Sanesul, Walter Carneiro Junior
A Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul) assumiu o controle e a administração da Casa do Pantanal, localizada dentro do Parque das Nações Indígenas. O espaço, que hoje encontra-se fechado, será totalmente reformado e readequado pela estatal. Nele serão promovidas atividades ambientais, culturais e também ações educativas sobre a importância do saneamento básico.

O termo de cessão foi assinado nesta quinta-feira, 23, pelo Governador do Estado, Reinaldo Azambuja, o presidente da Sanesul, Walter Carneiro Junior, o titular da Semagro (Secretaria Estadual de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), Jaime Verruck. A solenidade também foi para apresentação do cronograma de desassoreamento dos lagos do Parque.

O projeto pretende também oferecer cursos, palestras, oficinas, eventos, encontros, reuniões, teatros, campanhas, exposições, entre outros.

O diretor-presidente da estatal, Walter Carneiro Junior, explica a importância dessa iniciativa. “Será um espaço aberto à comunidade para a democratização da informação ambiental. Também pretendemos fornecer a possibilidade de reflexão e construção do pensamento voltado ao meio ambiente, saneamento e ações educacionais que caminhem em direção à sustentabilidade de Mato Grosso do Sul”, disse.

Na cerimônia de assinatura, o Presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, Deputado Paulo Corrêa, parabenizou a Sanesul pela iniciativa.
Diretores da Sanesul também comparecem na cerimônia
“É bom saber que a empresa assumiu a Casa do Pantanal para se tornar um ponto de visitação. Eu tenho certeza que a equipe fará um trabalho bonito e será bem administrado”, comentou.

O Governador Reinaldo Azambuja, comentou a importância da revitalização dos espaços do Parque das Nações Indígenas. “É um projeto grande e será possível com a parceria firmada entre o município e estado. Eu quero agradecer aos envolvidos por assumirem esse compromisso conosco. E agradecer a Sanesul por fazer a revitalização da Casa do Pantanal onde haverá um acervo histórico da empresa para conhecimento de toda a comunidade, além de ser mais um espaço de laser para todos nós”, afirmou. 

Os demais diretores da empresa também estiveram presentes, André Luis Soukef Oliveira, Diretor de Administração e Finanças; Helianey Paulo da Silva, Diretor de Engenharia e Meio Ambiente e Onofre Assis de Souza, Diretor Comercial e de Operações.

Sanesul 40 Anos

O projeto que será executado no Parque das Nações Indígenas faz parte da comemoração dos 40 anos da Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul. Na estrutura, também será disponibilizada uma sala especial com equipamentos, mapas, documentos, fotografias, projetos de engenharia, entre outros, que retratam a história do saneamento básico nos municípios operados pela estatal.
Casa do Pantanal construída em 2006
Governador Reinaldo Azambuja com Diretores da Sanesul e demais autoridades

ASSECOM