RECONHECIMENTO| Homenagens e honrarias atestam importância de Urandir para MS - JORNAL CORREIO MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

18/04/2019

RECONHECIMENTO| Homenagens e honrarias atestam importância de Urandir para MS

©DIVULGAÇÃO 
Ele já afirmou que seus empreendimentos e iniciativas visam ao desenvolvimento do bem-estar humano por meio dos avanços propiciados pela correta leitura científica e adequada compreensão dos fenômenos naturais e cosmológicos. Por isso, evita o estrelismo e nem faz a autopromoção de seus feitos que maravilham as pessoas, deixam os incrédulos estarrecidos e despertam polêmicas e debates dos mais qualificados. O cientista, ufólogo e empreendedor Urandir Fernandes de Oliveira, um pisciano de 56 anos (nasceu dia 14 de março de 1963 em Marabá Paulista), a despeito de sua trajetória aplaudida e requisitada nos mais diversos países escolheu a pequena e modesta Corguinho, em Mato Grosso do Sul, para fincar uma de suas raízes afetivas e ocupacionais.
©DIVULGAÇÃO
Presidente da Fundação Dakila pesquisas e fundador do Centro Tecnológico Zigurats, em Corguinho, ele não pode recusar o reconhecimento que a sociedade quer lhe prestar. E isso o transforma num colecionador involuntário de homenagens, medalhas, títulos de cidadania e outras honrarias em inúmeros municípios e estados brasileiros. A mais recente foi na noite de quarta-feira (17), ao ser recebido e contemplado pelo Comando-Geral da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul com a Medalha do Mérito Tiradentes, a mais alta comenda que a força militar outorga a um cidadão.

Urandir apresentou ao comandante da PM, coronel PM Waldir Ribeiro Acosta, um resumo dos estudos do Centro Tecnológico Zigurats, vinculado ao Dakila, na região de Furnas da Boa Sorte, em Corguinho, além de amostras da linha de cosméticos Kion, cuja matéria-prima é a argila vermelha kimberlite, substância revolucionária para os tratamentos de saúde e beleza, com excelentes resultados terapêuticos comprovados no Brasil e em outros países.

Os produtos foram criados pelo Grupo BKC (Brazilian Kimberlite Clay), uma das empresas do Dakila Pesquisas. O Zigurats é um complexo formado por um avançado complexo de análise e processamento de dados, com um observatório astronômico, o primeiro no Estado. O radialista Eli Sousa que também recebeu a Medalha Tiradentes, o coronel PM RR Jorge Fernandes expressaram o interesse em promover ações compartilhadas com foco no conhecimento, nas pesquisas e nas iniciativas de apoio ao empreendedorismo social.

Além de Urandir Fernandes, mais 50 personalidades. Entre homens e mulheres receberam a Medalha do Mérito Tiradentes e o Prêmio-Coronel PM Ana Neize Baltha. (também entregue no mesmo) destinada a homenagear policiais militares mulheres.

A próxima honraria será outorgada no período de 23 a 26 deste mês, durante a Marcha dos Vereadores e Vereadora, em Brasília. Nos três dias de concorridos eventos a programação central incluiu uma palestra de Urandir no Espaço do Apoiador, sobre “Anomalia dos Astros – Bio-sistema Reverso”. Será dia 25, às 15h30min, no Ópera Hall (antigo Net Live), no Distrito Federal. A marcha é promovida pela União dos Vereadores do Brasil em parceria com a Plenária Assessoria.

NA AL – Em outubro de 2018, Urandir de Oliveira foi alvo de uma Moção de Congratulação na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul. Proposta pelos deputados Júnior Mochi (MDB), então presidente da AL, e Paulo Siufi (MDB), o reconhecimento foi motivado pela “realização de estudos científicos em diversas áreas do conhecimento como Matemática, Física, Física Quântica, Astronomia e Geografia”.
©DIVULGAÇÃO
Ainda em 2018, o presidente da Associação Dakila Pesquisas, Urandir Fernandes de Oliveira, recebeu dos vereadores da cidade de Rochedo no Mato Grosso do Sul, durante solenidade especial em comemoração aos 70 anos de emancipação da cidade, o título de Cidadão Rochedense, em reconhecimento ao desenvolvimento econômico e social que a Associação Dakila Pesquisas promove na cidade de Rochedo.
©DIVULGAÇÃO

No dia 10 de dezembro de 2108, Urandir Fernandes de Oliveira recebeu das mãos da prefeita Marcela Ribeiro Lopes, uma placa comemorativa ao trabalho realizado contribuindo para o desenvolvimento e crescimento do município. 
©DIVULGAÇÃO

Mais um honraria está agendada pela Assembleia para o ano de 2019.

Em outubro próximo, onde Urandir será agraciado com o título de Cidadão Sul-mato-grossense, em solenidade incluída na programação oficial de comemorações pela criação do Estado. Urandir e Dakila pesquisas vem despertando a curiosidade de alguns parlamentares como Felipe Orro e Vedramine que ficaram interessados em conhecer o Centro Tecnológico Zuguratz e as atividades da ONG Dakila, salientando que já era de seus conhecimentos os benefícios que a presença do cientista proporcionou à localidade.

©DIVULGAÇÃO
Em março deste ano, a União das Câmaras de Vereadores (UCVMS) também entrou no circuito das instituições que decidiram coroar o reconhecimento a Urandir por sua contribuição com o progresso científico, econômico e social do Estado. No evento “Golden Night”, realizado na quinta-feira, 28, lideranças políticas, empresariais e personalidades de todos os setores e matizes se encontraram para a solenidade de reverência às personalidades que se destacam na defesa dos interesses de Mato Grosso do Sul e da população. Urandir foi um dos contemplados hors concours, muito aplaudido quando foi chamado para receber a homenagem dos 22 anos da UCVMS. A entidade é representativa dos vereadores e legislativos dos 79 municípios.

Com 22 anos de existência, a Dakila Pesquisa é uma associação sem fins lucrativos que Urandir criou para ampliar e fortalecer suas bases de estudo e promoção humana pelas vias do conhecimento. O núcleo central fica em Corguinho, mas já existem núcleos funcionando em Campo Grande e outros municípios (São Paulo, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Vitória, Natal, Fortaleza, Brasília, Foz do Iguaçu e Salvador, além de municípios no exterior (Estados Unidos, Bolívia, Paraguai, Argentina, Espanha, Chile, França, Japão e Alemanha). 

Por meio de publicações produzidas pelo Dakila ou em buscas na Internet, mais de 9 milhões de pessoas acompanham suas atividades e muitas interagem com os pesquisadores, que atuam em dezenas de áreas, como as de Geologia, Biologia, Geografia, Física, Arqueologia, Química, Astronomia e Genética. E mais: a Associação Dakila fomenta o desenvolvimento econômico da região promovendo emprego e renda para os moradores nos municípios de Rochedo, Corguinho, Terenos, Rio Negro e Campo Grande e outros. Atividades sociais e esportivas envolvem as comunidades, escolas e outras entidades, fomentando o empreendedorismo em vários segmentos, do turismo à hotelaria, além de estimular investimentos públicos e privados em equipamentos urbanos e sociais.

Da Redação