“É o meu desafio pessoal”, diz Murilo sobre conclusão do Aquário do Pantanal - JORNAL CORREIO MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

01/01/2019

“É o meu desafio pessoal”, diz Murilo sobre conclusão do Aquário do Pantanal

Vice-governador acumulará cargo de secretário de obras



O vice-governador Murilo Zauith (DEM), que acumulará a função de titular da Seinfra (Secretaria de Estado de Habitação e Infra-Estrutura-Geral), afirmou que entre os desafios à frente do primeiro escalão de Reinaldo Azambuja (PSDB) está a finalização do Aquário do Pantanal, cujas obras estão paralisadas desde 2016 após longo imbróglio jurídico.

“É meu desafio pessoal. Ainda não sentei com o governador para me inteirar sobre a nova licitação que deverá ser aberta. A partir de amanhã saberei exatamente a que pé está. Mas, a conclusão desta obra é algo que tomo como pessoal”, declarou o vice-governador.

O democrata também destacou que a conservação das estradas, que é algo que preocupa produtores rurais, será outro destaque da administração. “Queremos que os produtores rurais também contribuam com o Fundersul (Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário do Estado do Mato Grosso do Sul) para que possamos ampliar a manutenção destas estradas, que são fundamentais para o escoamento da produção”, destacou.

Uma das principais vias em MS, no entanto, é a BR-262, que está sob jurisdição federal. Apesar disso, Murilo afirmou que buscará o governo federal para que recursos sejam destinados à melhoria da rodovia. “Nosso objetivo é articular a duplicação dela. Acredito que o país viva um momento de mudança e o novo governo entende que é preciso levar recursos aos Estados. Não creio que teremos dificuldades em mostrar nossas necessidades ao governo e receber recursos”, disse.

O vice-governador também pontuou comentários sobre a política nacional – em 2018, grandes operações da Polícia Federal refletiram fortemente sobre o Estado, inclusive, com consequências para muitos integrantes da classe política em MS.

“Minha expectativa é que essas operações não só mantenham, como aumentem. Essa mudança é uma exigência feita pela população”, concluiu.

Fonte: Midiamax