Coragem e persistência de Reinaldo com reformas não deixaram MS sucumbir à crise, afirma Riedel - JORNAL CORREIO MS

LEIA TAMBÉM

Home Top Ad

01/01/2019

Coragem e persistência de Reinaldo com reformas não deixaram MS sucumbir à crise, afirma Riedel

Eduardo Riedel discursa na posse dos novos secretários de Governo. Foto: Edemir Rodrigues Silvio Andrade 
Expressando sua gratidão pela confiança do governador Reinaldo Azambuja por ocupar um dos cargos “mais relevantes e extremamente sensível” do governo, o secretário Eduardo Riedel (Governo e Gestão Estratégica) afirmou que o conjunto de reformas e o novo modelo de gestão, implementados nos últimos quatro anos, serão os pilares “para um novo salto de desenvolvimento econômico e social de Mato Grosso do Sul”.


Riedel falou em nome dos novos secretários estaduais, empossados nesta terça-feira (1º/01), em cerimônia no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camillo, e destacou que o Estado somente avançou, num período de crise aguda do País, porque o governador reeleito teve persistência, capacidade de confrontar grandes interesses, determinação e coragem. “Sou testemunho do esforço gigantesco empreendido pelo governador e pelo governo para promover as mudanças”, disse.

“Nenhum outro estado brasileiro realizou neste cenário de dificuldades um conjunto de reformas expressivo, impactante e transformador”, acrescentou o secretário. “Por isso o Estado não sucumbiu à crise, por isso o Estado gerou resultados surpreendentes a bordo da pior recessão da história da República”, prosseguiu. Ele disse que o desafio, nesse segundo governo, será aprofundar as diretrizes lançadas e praticadas que incorpore definitivamente as críticas e anseios do cidadão-contribuinte e do mais necessitado.

Vocação para servir

Riedel destacou, no governo que se finda, os avanços na educação, o aperfeiçoamento do sistema de segurança pública, a capacidade de investimento na infraestrutura, um ambiente favorável de negócios atrativo e competitivo ao setor privado, bem como as parcerias estratégicas para potencializar investimentos. Também citou o diálogo permanente com diversos setores da sociedade, por meio do esporte, da cultura e da cidadania.

“Olhando, nesse momento, para todos os colegas que fazem parte deste novo governo – pontuou o secretário de Governo e Gestão Estratégica -, fica flagrante o cuidado com que o governador pensou em cada um dos nomes das senhoras e senhores aqui presentes, buscando unir as experiências pessoais de cada um, as capacidades técnicas e políticas, e a imprescindível vocação para a vida pública, para servir”.

Investir mais nas pessoas

Na íntegra, o discurso do secretário Eduardo Riedel:

“Antes de qualquer outra palavra, gostaria de expressar meu profundo agradecimento por ter sido escolhido para falar em nome da nova equipe de governo, de cada um dos secretários estaduais hoje empossados neste ato e de cada um dos indicados que receberam e receberão responsabilidades em diversas áreas.

Estou extremamente honrado.

Trata-se de uma grande responsabilidade para quem assumiu, há tão pouco tempo, os enormes desafios da vida pública.

Aqui, peço licença às senhoras e aos senhores, para assumir um tom pessoal nesse primeiro momento e lembrar que cheguei ao governo há exatos quatro anos, atendendo a uma convocação do governador Reinaldo Azambuja, que naquele momento começava o seu primeiro mandato.

Acredito que seja razoável supor a ocorrência, naquele momento, de algum eventual estranhamento com a escolha de um empresário, com histórico de representação setorial – sindicato rural, famasul, sebrae e CNA, para um posto tão relevante e extremamente sensível da administração estadual.

Riedel toma posse, ao lado do governador: continuidade no cargo. Foto: Edemir Rodrigues

Além dos requisitos da lealdade e da confiança pessoal, óbvios neste caso, só mais tarde pude compreender melhor o sentido estratégico da decisão do líder:

– alçar ao centro da governança alguém que pudesse somar à experiência de políticos e lideranças renomadas e especialistas reconhecidos na área pública, uma visão “de fora para dentro” do estado. 

Valeram-me, então, de forma preciosa, os longos anos de trabalho na área privada e em instituições diversas, quando, quase sempre, tínhamos o desafio de lidar com os problemas crônicos do estado brasileiro, nas suas mais diferentes órbitas – federal, estadual e municipal – e complexidades.

Entendi que se houvesse, de fato, alguma contribuição diferenciada que pudesse modestamente oferecer à nossa gestão era justamente essa: a experiência do cidadão, do profissional, do empresário, do ativista sindical, e do gestor de instituições privadas com missão pública, em diferentes situações de interface com o poder público .

Foi com este espírito que assumi a Secretaria de Governo, que, não por mera coincidência, é o canal de interlocução do estado com as diversas agonias de nossa sociedade.

Desde então, sou extremamente grato ao governador pelas oportunidades geradas pelo trabalho que me foi delegado, ao lado de outros competentes formuladores, de colaborar com o processo de reforma do modelo de gestão, na perspectiva dos cidadãos.


Visito este pedaço curto de história, depois de ouvir atentamente as palavras do governador Reinaldo Azambuja, na solenidade de posse, que reforçam as escolhas e a direção do seu governo, entendo que não houve e não há nenhuma tarefa mais importante neste tempo do que aprofundar as diretrizes lançadas e praticadas de um modelo de estado que incorpore definitivamente as críticas e os anseios do cidadão-contribuinte e daquele mais necessitado.

Vossa Excelencia advoga um desenho bem diferente e distante do que se experimenta de maneira geral, no Brasil do nosso tempo.

Reclama um estado enxuto, leve, que gaste menos com o próprio governo e assim possa investir mais nas pessoas.

Demanda um estado ágil e acessível, que não represente um estorvo na vida das empresas e dos cidadãos.

Um estado transparente em suas decisões, que não teme prestar contas e disponibilizar o destino e a utilização dos recursos públicos.

Um estado eficiente, que transforma gasto e investimento em entregas de qualidade, capazes de mudar para melhor a vida das pessoas.

Sou testemunha do esforço gigantesco empreendido pelo governo e especialmente pelo governador, neste campo.

Os senhores sabem: esta não é tarefa fácil, porque exige do líder a força, a persistência e a capacidade de confrontar grandes interesses e impor o interesse público, em sua visão mais ampla.

Reinaldo Azambuja trouxe para si esta difícil empreitada e só porque a ela se dedicou com afinco, determinação e coragem, avançamos como nunca.

É preciso haver muita convicção, capacidade de diálogo e paciência, para que uma verdadeira mudança paulatinamente aconteça. 

Esta é a base das reformas recentes realizadas no Mato Grosso do Sul.

E aqui ouso pontuar: nenhum outro estado brasileiro realizou neste cenário de dificuldades um conjunto de reformas tão expressivo, impactante e transformador. E continuo ousando ao dizer que as recentes eleições em nosso Pais refletem exatamente o que a maioria da população entende como necessária para nossa evolução enquanto sociedade. Isso so aumenta nossa responsabilidade e reforça a diretriz assumida desde o início do governo.

Titular da Segov fala em nome do secretariado: compromisso inabalável com MS. Foto: Edemir Rodrigues

Por isso o estado não sucumbiu à crise.

Por isso o estado gerou resultados surpreendentes à bordo da pior recessão da história da República.

As reformas realizadas com tanto sacrifício vão permitir que mais mudanças possam ocorrer e abrem caminho para o principal: um novo salto de desenvolvimento econômico e social.

Senhor governador,

Os líderes, especialistas e técnicos experimentados que passaram pelo seu governo e os novos secretários que assumem hoje suas responsabilidades têm em comum um único objetivo de fundo: servir bem o Mato Grosso do Sul.

Cada um de nós aqui recebeu, de Vossa Excelência, uma missão setorial de enorme envergadura.

Não é necessário voltar aos temas grandiosos como a regionalização da saúde; o avanço da qualidade da educação; o aperfeiçoamento do sistema de segurança pública; a capacidade de investimentos na nossa infraestrutura, um ambiente de negócios atrativo e competitivo ao setor privado, parcerias estratégicas para potencializar investimentos, o diálogo permanente com diversos setores de nossa sociedade através da cultura, do esporte e da cidadania, entre tantas outras tarefas que nos aguardam….

São desafios exaustivamente pontuados na recente campanha e nas orientações do governador reeleito. E cada secretario tem a exata dimensão das nossas obrigações.

A elas, outras se acrescentam, tão importantes como as primeiras… Em especial, o necessário e inadiável processo de modernização de serviços sob a guarda do estado.

Olhando, neste momento, para todos os colegas que fazem parte deste novo governo, fica flagrante o cuidado com o que o governador pensou em cada um dos nomes das senhoras e dos senhores aqui presentes, buscando unir as experiências pessoais de cada um, as capacidades, técnicas e políticas, e a imprescindível vocação para a vida pública, para servir.

Para, no entanto, cumprir a extensa agenda de governança que agora se renova sob a liderança do governador, dependemos da formação de uma equipe harmônica e afinada, portadora de uma consistente unidade de trabalho entre nós.”

Vamos precisar de intensa solidariedade administrativa entre diferentes áreas.

E da preponderância de uma visão transversal das políticas públicas, porque assim são os problemas e desafios – quase sempre superam o limite setorial desta ou daquela secretaria.

A soma de esforços, recursos e inteligência então passa a ser crucial para

gerar resultados realmente transformadores.

Aqui, tenho certeza, o senhor governador encontrará uma equipe leal, mobilizada em torno dos seus deveres e despreendida no quesito das vaidades pessoais. São homens e mulheres com larga experiência e serviços prestados… preparados para enfrentar os grandes desafios atuais e os muitos outros que ainda virão.

Em nome de todos os secretários empossados neste ato, e daqueles que serão ainda nomeados em cargos estratégicos desse governo, reitero nosso agradecimento pela confiança depositada na equipe.

É uma confiança que já se transformou, caro governador, em compromisso inabalável com o seu governo e com o Mato Grosso do Sul.

Quero aqui fazer um agradecimento especial a minha família, esposa, filhos e pais, e em nome de vcs expressar nossa profunda gratidão pela compreensão e amor com que cada familiar lida com a ausência, dedicação, desgaste e até mau humor em casa fruto da exigente jornada de responsabilidades que cada um de nós carregamos.

Agradecimento especial também aos servidores, efetivos e de cargo de confiança, que nunca mediram esforços pelo Mato Grosso do Sul.

Amanhã, quando as portas das secretarias no Parque dos Poderes se reabrirem, estará de pé uma renovada capacidade de trabalho.

E o pulso vivo da esperança em dias melhores.

Agradeço, pessoalmente, a deferência dos colegas secretários que me permitiram, neste ato, representá-los na expressão do nosso compromisso com o governo de Reinaldo Azambuja.

Desejo à nossa equipe e especialmente ao governador uma jornada de governança exitosa e recompensadora.

Transformadora do nosso destino como sociedade organizada, estado e país.

Que Deus nos abençoe.

Obrigado e vamos ao trabalho.”

Fonte: Assecom
Por: Sílvio Andrade