OAB-MS| Mansour Karmouche é reeleito presidente - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

20/11/2018

OAB-MS| Mansour Karmouche é reeleito presidente

O advogado foi reeleito com mais de 1,5 mil votos de diferença à frente do segundo colocado, Jully Heyder da Cunha

Mansour Elias Karmouche ©Guilherme Rosa
Mansour Elias Karmouche foi reeleito o presidente da OAB-MS (Ordem dos Advogados do Brasil Seccional de Mato Grosso do Sul), nesta terça-feira (20). O advogado alcançou 4.026 votos, enquanto Jully Heyder da Cunha teve 2.452 e Rachel Magrini 2.344 em terceiro lugar.

Votos brancos somaram 147 e nulos 132. O advogado foi reeleito com mais de 1,5 mil votos de diferença à frente do segundo colocado, Jully Heyder da Cunha. 

“Foi a maior diferença da história em uma eleição do órgão. Estou muito contente porque a vitória representa um recado da advocacia quanto ao meu trabalho. Daqui para frente vamos unir ainda mais a advocacia em torno do objetivo de todos e não em prol de grupos”, disse à reportagem. A comemoração da vitória, segundo o presidente será no comitê da chapa “OAB em Ordem”, liderada por ele na disputa.

Reeleição - Eleito ao cargo em 2015, Karmouche justificou a sua reeleição, como uma forma de dar continuidade ao processo de “renovação de ideias e propostas”, implementado em seu primeiro mandato. 

Nos próximos três anos que se seguirá no mandato, o presidente destacou entre as suas pautas a necessidade da garantias de "direitos da sociedade e da advocacia". Defende a instituição de porte de arma para advogados, assim como é liberado para juízes, promotores e outros atores da Justiça e se posicionou contra a adoção da pena de morte.

Carreira 

Karmouche nasceu em Campo Grande, filho de Elias Abdo Karmouche e Leila Gabro Karmouche. Formou-se em direito pela Universidade do Oeste Paulista e foi aprovado no exame de ordem em dezembro de 1991 na seccional de São Paulo.

Em abril de 2011 terminou a pós-graduação em direito constitucional pela PUC SP e em julho de 2013 em direito de família e sucessões pela Escola Paulista de Direito. Em 2015, quando também foi eleito, ele liderou a chapa “Ordem em Progresso” e venceu os outros cinco concorrentes nas eleições do órgão, entre eles Jully Heyder, quando também ficou em segundo colocado.

Eleições

Com um orçamento de cerca de R$ 10 milhões e um quadro de 15 mil associados, a OAB-MS tem 31 subseções e cerca de 180 servidores.

Fonte: campograndenews


Por: Adriano Fernandes