Governador, deputados e senadores serão diplomados em 14 de dezembro - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

16/11/2018

Governador, deputados e senadores serão diplomados em 14 de dezembro

Evento vai ocorrer a partir das 19h, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo, em Campo Grande

Governador Reinaldo Azambuja (PSDB) quando foi diplomado em 2014 ©ARQUIVO
O governador Reinaldo Azambuja (PSDB), com seu vice, Murilo Zauith (DEM), além dos 24 deputados estaduais, 08 (deputados) federais e os dois senadores eleitos serão diplomados pelo TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul), no dia 14 de dezembro, a partir das 19h, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo.

A solenidade que é organizada pela Justiça Eleitoral é o documento que permite aos candidatos eleitos tomarem posse de seus respectivos mandatos, em 2019. O evento também é marcado pelos discursos dos parlamentares e do governador, que no caso de Mato Grosso do Sul, foi reeleito para mais quatro anos.

Também será a oportunidade para Reinaldo já apresentar seus objetivos e prioridades para próxima gestão, apontando assim os rumos do seu segundo mandato. Os deputados e senadores eleitos também antecipam o foco de seus respectivos trabalhos na Assembleia Legislativa e no Congresso Nacional.

Deputados 

Para o legislativo estadual serão diplomados os deputados reeleitos: Renato Câmara (MDB), Onevan de Matos (PSDB), Zé Teixeira (DEM), Lídio Lopes (Patri), Paulo Corrêa (PSDB), Felipe Orro (PSDB), José Carlos Barbosa (DEM), Rinaldo Modesto (PSDB), Márcio Fernandes (MDB), Eduardo Rocha (MDB), Cabo Almi (PT), Pedro Kemp (PT) e Herculano Borges (SD).

Os (deputados) novatos Renan Contar (PSL), Jamilson Name (PDT), Neno Razuk (PDT), Lucas de Lima (SD), Gerson Claro (PP), Antônio Vaz (PRB), Evander Vendramini (PP), João Henrique (PR) e Marçal Filho (PSDB). Além do retorno de Carlos Alberto David (PSL) e Londres Machado (PSD).

Para a Câmara Federal irão receber o diploma: Rose Modesto (PSDB), Beto Pereira (PSDB), Vander Loubet (PT), Dagoberto Nogueira (PDT), Fábio Trad (PSD), Luiz Ovando (PSL), Loester Carlos Gomes (PSL), conhecido como “Tio Trutis”, além de Tereza Cristina (DEM), que depois vai se licenciar do cargo, para assumir o Ministério da Agricultura.

Senadores 

Também serão diplomados os dois senadores eleitos: Nelsinho Trad (PTB) e Soraya Thronicke (PSL), com seus respectivos suplentes. A solenidade que ocorre em dezembro, antecede as posses que vão ocorrer em datas diferentes, devido ao calendário diverso entre poder executivo e legislativo, já que um começa em janeiro e o outro em fevereiro.

Reinaldo Azambuja (PSDB) toma posse para o segundo mandato no dia 01 de janeiro, enquanto que os deputados estaduais a data é 01 de fevereiro, no mesmo período dos deputados federais e senadores em Brasília.

Fonte: campograndenews
por: Leonardo Rocha