CHAPADÃO DO SUL| Governador assina hoje, 12, autorização para construção de 96 unidades habitacionais - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

12/11/2018

CHAPADÃO DO SUL| Governador assina hoje, 12, autorização para construção de 96 unidades habitacionais

Presidente da Câmara, Toninho Assunção, Prefeito João Carlos e diretora da AGEHAB, Maria do Carmo, durante visita ao município.
O governador Reinaldo Azambuja cumpre agenda de trabalho em Campo Grande nesta segunda-feira, 12, e um dos compromissos confirmado em sua agenda será a assinatura de autorização para a construção de 96 unidades habitacionais em Chapadão do Sul.

No final de outubro, a diretora-presidente da Agência de Habitação Popular de Mato Grosso do Sul (AGEHAB) Maria do Carmo Avesani Lopez esteve em Chapadão do Sul para anunciar a liberação dos recursos, agora oficializados pelo Governador Reinaldo. O Prefeito João Carlos Krug confirmou presença no evento marcado para as 14h30, na capital.

As unidades habitacionais serão construídas na Rua P 20, no Residencial Planalto e terão todo o investimento necessário como asfalto, esgoto e drenagem. O Governo Federal está investindo R$ 8 milhões e 100 mil via Caixa Econômica Federal (Recursos FAR- Fundo de Arrendamento Residencial), com a contrapartida do Governo do Estado de R$ 1milhão e 500 mil, além de R$ 215 mil via Sanesul para Esgoto/água e a Prefeitura é responsável pelo restante da infraestrutura urbana. A construção dos imóveis ficará a cargo da empresa RHD Engenharia, de Campo Grande.

De acordo com o Projeto, serão construídos 96 apartamentos divididos em quatro blocos, cada um com dois pisos, em estilo condomínio fechado, inclusive com guarita e segurança. Os apartamentos terão 47 metros quadrados com sala, cozinha, 2 quartos e banheiro.

O financiamento dos imóveis será feito via Caixa Econômica Federal. Um dos principais requisitos para participar do programa é ter renda familiar de até R$ 1.800,00. As parcelas do imóvel são definidas levando em consideração uma forma variável, contudo o valor deve ficar entre R$ 80,00 e R$ 220,00.

ASSECOM