Três são presos pela morte de cabeleireiro encontrado morto com pés e mãos amarrados - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

27/08/2018

Três são presos pela morte de cabeleireiro encontrado morto com pés e mãos amarrados

Heberson desapareceu após uma reunião política

Divulgação
Três suspeitos pela morte do cabeleireiro Heberson Junior Cavalcante de Almeida, de 29 anos, foram presos pela polícia da cidade de Dourados, a 225 quilômetros de Campo Grande. A vítima desapareceu no dia 10 de agosto depois de sair de uma reunião política na cidade.

As prisões aconteceram na última sexta-feira (24), mas os suspeitos devem ser apresentados nesta segunda-feira (27), quando o delegado que cuida do caso deve falar sobre o depoimento dos autores e a motivação para o crime.

Segundo o site Dourados News, eles foram autuados por latrocínio- roubo seguido de morte. O carro de Heberson foi levado no dia do crime. Ele foi encontrado morto com os pés e mãos amarrados, em um conjunto de quitinetes que estava em construção.

Heberson foi assassinado com duas facadas no pescoço. No local a perícia encontrou sinais de sangue nas paredes levando a crer que houve luta corporal, entre a vítima e possíveis autores.

Ele desapareceu após sair de uma reunião política na noite do dia 10 de agosto. A vítima morava em Campo Grande, mas tinha ido até a cidade para visitar o pai e ministrar um curso de cabeleireiro.

Fonte: Midiamax
Por: Thatiana Melo