TRÊS LAGOAS| Agentes de Endemias do município participam de workshop de humanização na Saúde - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

31/08/2018

TRÊS LAGOAS| Agentes de Endemias do município participam de workshop de humanização na Saúde

Finalidade é aumentar autoestima e conscientização do servidor municipal na qualidade dos serviços que presta à população 

©Divulgação
A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Três Lagoas, por meio do Setor de Endemias e Controle de Vetores da Diretoria de Vigilância em Saúde e Saneamento, promoveu “workshop” (reunião de um grupo de pessoas interessadas na discussão de um determinado assunto) com os Agentes de Endemias, no período da tarde de quinta-feira (30), no Centro Cultural Professora “Irene Marques Alexandria”.

Apresentado e coordenado por Crislaine Calanca, palestrante motivacional da Secretaria Municipal de Administração da Prefeitura de Três Lagoas, o “workshop” teve a finalidade de “aumentar a autoestima do servidor público pela importância do trabalho que realiza e também discutir propostas de melhoria da humanização dos serviços que prestamos à nossa população”, resumiu.

Iniciado em maio de 2017, o trabalho de conscientização da importância da humanização dos serviços públicos, notadamente, na Saúde, foi proposto pelo prefeito Angelo Guerreiro, desde que assumiu a Prefeitura de Três Lagoas.
©Divulgação
“Já conversamos com os Agentes Comunitários de Saúde (ACS), Saúde Bucal, Clínicas e estivemos em todas as Unidades Básicas de Saúde. Ao mesmo tempo, procuramos também ouvir o que a população nos tem a dizer, ou seja, quais as críticas e propostas de melhorias”, comentou.

“Na Saúde, infelizmente, ainda temos uma pequena minoria de servidores que é objeto de críticas. São pequenas coisas que representam muito para a humanização dos serviços, como dar um bom dia, acolher bem as pessoas e interessar-se em ouvir o que as pessoas nos pedem e nos querem falar”, ressaltou Crislaine.

“Hoje, quando a gente vai a uma Unidade de Saúde, dificilmente, encontramos pessoas esperando em filas, mas quando tem gente na fila esperando por atendimento, de 10 com quem conversamos, uma ou duas se mostram insatisfeitas”, observou.

“As pessoas de bem entendem que nem tudo depende da gestão municipal e o que conseguimos melhorar é resultado da dedicação, competência e capacitação dos nossos servidores, assim como é também resultado de um SUS (Sistema Único de Saúde) que está dando certo, como tem observado a secretária de Saúde de Três Lagoas, Angelina Zuque”, lembrou Crislaine.

“O respeito e atenção geram respeito, consideração e gratidão. A má educação sempre provoca reações negativas que nada ajudam”, ressaltou.

O “workshop” também teve a presença e participação do coordenador do Setor de Endemias, Alcides Divino Ferreira, e da diretora de Vigilância em Saúde e Saneamento, Geórgia Medeiros Andrade.

ASSECOM