TRÊS LAGOAS| Prefeitura inicia programação de vistoria e tratamentos de bueiros, galerias e bocas de lobos - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

24/07/2018

TRÊS LAGOAS| Prefeitura inicia programação de vistoria e tratamentos de bueiros, galerias e bocas de lobos

Ação tem como objetivo o combate das larvas de mosquitos, principalmente do Aedes aegypti transmissor da dengue, febre amarela, zika vírus e chikungunya

©Divulgação
A Prefeitura de Três Lagoas, por meio da Promoção de Saúde, da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), informa à população que durante todo este mês será realizada uma programação de vistoria e tratamentos de bueiros, galerias e bocas de lobos da Cidade.

Segundo o coordenador da Promoção de Saúde, Waldir José de Souza, “para o combate das larvas de mosquitos, principalmente do Aedes aegypti transmissor da dengue, febre amarela, zika vírus e chikungunya, nossos agentes utilizarão um biolarvicida nos bueiros e poças d´água encontradas nos bairros com maior incidência de casos confirmados de dengue”, disse.

Ainda de acordo com o coordenador, “fazemos esse trabalho regularmente na Cidade, mas este mês trabalharemos em conjunto com o Meu Bairro Limpo para que consigamos eliminar os focos com maior incidência antes dos períodos de chuva”, explicou Waldir.

PROGRAMAÇÃO DOS BAIRROS

Os bairros que receberão o tratamento do biolarvicida nos bueiros e poças d´água são: Vila Piloto (com 19 casos confirmados de dengue); Santos Dumont (com 08 casos confirmados de dengue), Jardim Alvorada (com 07 casos confirmados de dengue); Santa Rita (com 06 casos confirmados de dengue); Vila Nova (com 05 casos confirmados de dengue) e Vila Alegre, Vila Haro, Santa Terezinha, Paranpunga, Interlagos, Jardim Brasília e Jardim das Oliveiras com 04 casos confirmados de dengue.

Segundo Waldir, somente este ano a Cidade registrou 663 casos notificados de Dengue, sendo 133 confirmados, 415 diagnosticados como negativos e 115 aguardando o resultado. Para ele “a ajuda da população é muito importante neste processo de eliminação das larvas, seja utilizando o bueiro somente como água pluvial ou ajudando a prefeitura com a eliminação de entulhos por meio do Meu Bairro Limpo, pois essa luta é de todos nós”, concluiu o coordenador.




ASSECOM