Na PM há 30 anos, coronel Villasanti sai candidato e quer focar em segurança - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

25/07/2018

Na PM há 30 anos, coronel Villasanti sai candidato e quer focar em segurança

A ideia é também legislar para melhorias na saúde, geração de emprego e redução da carga tributária

©Guilherme Rosa
Coronel da PM (Polícia Militar) de Mato Grosso do Sul, Alírio Villasanti Romero é pré-candidato a deputado estadual e ainda definirá em qual partido disputará a eleição. Em visita ao Campo Grande News, nesta quarta-feira (dia 25), ele afirmou que, em um eventual mandato, quer concentrar forças na segurança pública, sua área de atuação há 30 anos.

Segundo ele, a ideia é também legislar para melhorias na saúde, geração de emprego e redução da carga tributária. "Tenho observado que as pessoas têm esses anseios", afirma.

Antes de ingressar na política, o coronel já atuou em unidades de Corumbá, DOF (Departamento de Operações de Fronteira) e Batalhão de Trânsito. O que o motivou a tentar uma vaga no Legislativo estadual foi a "onda' de impunidade e corrupção identificada na vida pública. "As pessoas de bem também têm de entrar na vida política".

Além de sua formação como profissional, o pré-candidato aponta a credibilidade como policial e o fato de ser candidato pela primeira vez como pontos positivos. Ele é formado em Ciências Jurídicas, além pós-graduações em Ordem Pública e Planejamento Estratégico.

Sobre ainda estar sem partido, Villasanti afirmou que, pela lei, tem até o dia das convenções das legendas para se filiar. Trata-se de uma exceção 

Enquanto isso, negocia com "várias" siglas, levando em consideração o projeto político e a viabilidade que os partidos têm de vencer o pleito eleitoral. Ele não quis detalhar, por enquanto, quais são as legendas possíveis.

"Tenho conversado com vários. O projeto não é pessoal, é de grupo", complementa. Alírio Villasanti tem 51 anos e é natural de Porto Murtinho.

Fonte: campograndenews
por: Mayara Bueno