Mato Grosso do Sul tem 222 casos confirmados de Influenza e 20 mortes em 2018 - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

05/07/2018

Mato Grosso do Sul tem 222 casos confirmados de Influenza e 20 mortes em 2018

Em seis meses, o número de mortes já supera o triplo do ano passado

©Divulgação
Mato Grosso do Sul já tem 222 casos confirmados de Influenza e 20 mortes em seis meses. Os dados consideram até o início do mês, na segunda-feira (2), quando haviam 65 casos confirmados de Influenza A H1N1, 112 casos de Influenza A H3N2, 29 casos de Influenza A não subtipado e 16 casos de Influenza B.

Os dados são do Boletim Epidemiológico da SES (Secretaria de Estado de Saúde) e aponta que Mato Grosso do Sul já registra o triplo do número de mortes causadas pela gripe em 2017. Até a segunda-feira (2), já foram registradas 20 mortes, sendo 7 por Influenza A H1N1, 8 mortes por Influenza H3N2, 2 mortes por Influenza B e 3 por Influenza A não subtipado.

As cidades com maior número de casos confirmados de Influenza são Campo Grande (109), Naviraí (15), Chapadão do Sul (14) e Sidrolândia (9). Os municípios em que foram registradas mortes causadas pela gripe são Campo Grande, Chapadão do Sul, Costa Rica, Coxim, Nioaque, Aquidauana, Naviraí e Três Lagoas.

Como se prevenir

A SES recomenda ações simples para evitar a transmissão do vírus Influenza, como: higienizar as mãos com frequência; utilizar lenço descartável para higiene nasal; cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir; higienizar as mãos após tossir ou espirrar; evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca; não partilhar alimentos, copos, toalhas e objetos de uso pessoal; evitar aperto de mãos, abraços e beijo social; reduzir contatos sociais desnecessários e evitar, dentro do possível, ambientes com aglomeração; evitar visitas a hospitais e ventilar os ambientes.

Fonte: Midiamax
Por: Mylena Rocha