AL/MS aprova projeto de Onevan que concede utilidade pública a entidade de Cassilândia - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

16/07/2018

AL/MS aprova projeto de Onevan que concede utilidade pública a entidade de Cassilândia

Lar da Criança e do Adolescente Prudenciana Cândida Vilela é a instituição beneficiada

©Divulgação
A Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul aprovou, na sessão plenária da última quinta-feira, projeto de lei apresentado pelo deputado estadual Onevan de Matos (PSDB), que declara de utilidade pública estadual o “Lar da Criança e do Adolescente Prudenciana Cândida Vilela”, do município de Cassilândia. 

Casa da Criança – A instituição é uma associação sem fins lucrativos, cuja finalidade é prestar atendimento gratuito às crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade ou risco social e pessoal, mediante a manutenção e administração de entidade de acolhimento institucional, em conformidade com as disposições do Estatuto da Criança e do Adolescente e do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente. 

“Conheço o trabalho desenvolvido pelo Lar da Criança de Cassilândia, de modo que estou muito feliz e orgulhoso de poder assegurar esta importante conquista. Congratulo a diretoria, funcionários e voluntários em nome da sra. Elza Assis Cordoni (diretora-presidente), reiterando o meu trabalho em favor da instituição”, destacou o deputado estadual Onevan de Matos. 

Compromisso – O projeto que assegurou o título de utilidade pública estadual à Casa da Criança de Cassilândia foi um pleito apresentado pelo vereador Rui Palhares – que também já requereu a destinação de emenda parlamentar ao deputado estadual Onevan de Matos em favor da entidade. 

“O deputado Onevan tem um compromisso muito forte com Cassilândia, seja destinando emendas, buscando investimentos e, agora, com este título de utilidade pública estadual, que possibilitará a Casa da Criança de Cassilândia firmar novos e importantes convênios. Estamos muito felizes e satisfeitos”, pontuou o vereador Rui Palhares. 

Fonte: ASSECOM
Por: Fernando Ortega