Croácia humilha Argentina em mais um dia apagado de Messi - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

21/06/2018

Croácia humilha Argentina em mais um dia apagado de Messi

Partida é válida pelo Grupo D

©Reuters/Carlos Barria
Argentina e Croácia abriram a segunda rodada do Grupo D do Mundial da Rússia e, com péssima atuação do time sul-americano, os europeus venceram por 3 a 0. Após empatar com a Islândia, na estreia, Jorge Sampaoli fez modificações na equipe que não surtiram efeito, como as entradas de Acuña, Mercado e Pérez, e saídas de Rojo, Biglia e Di Maria. 

Já a Croácia veio com Brozovic no lugar de Kramaric e sem Nikola Kalinic, dispensado após se recusar a entrar no fim, na vitória sobre a Nigéria.

A partida foi marcada pelo encontro, na primeira vez na história, dos camisas 10 de Barcelona e Real Madrid em um jogo de Mundial: Lionel Messi e Lukas Modric. Melhor para Modric.

JOGO

Primeiro Tempo:

A partida começou com pressão croata, que logo aos 4' tentou com Perisic, obrigando Caballero a trabalhar. Aos 12', foi a vez da Argentina. Meza recebeu passe de Acuña e bateu para o gol, mas Lovren cortou antes mesmo da defesa de Subasic. 

Aos 29', Enzo Perez errou uma boa chance, quando estava livre para o gol. Na sequência do lance, a Croácia voltou a atacar e aí foi a vez de Manzukic perder um gol feito.

Segundo Tempo:

O jogo começou truncado, com poucas chances. Mas aos 8', Mercado recuou uma bola com Rebic na cola. Caballero tentou um chutão, mas a bola acabou saindo de rosca e voltou no pé do atacante croata, que pegou bonito por cobertura. Falha grosseira do goleiro argentino e 1 a 0 para a Croácia.

Nervoso e com o time mais tenso ainda, Jorge Sampaoli optou por mudar e trocou Salvio e Aguero por Pavón e Higuaín. Dalic também mexeu e tirou o autor do gol, Rebic, para entrada de Kramaric. Poucos minutos depois, mais mudanças: Dybala para saída de Enzo Pérez.

Para decepção de Messi e companhia, aos 35', o desastre total para a Argentina: gol de Modric. De fora da área, o craque croata mandou um chutaço, à esquerda de Caballero, que não conseguiu evitar: 2 a 0.

Quem achava pouco, teve espaço pra mais. Aos 46', Rakitic chutou da entrada da área para defesa de Caballero. No rebote, Kovasic teve tempo de tocar para Rakitic de novo marcar: 3 a 0.

Com o resultado, a Argentina se complica na tabela, já que precisa vencer a Nigéria e torcer para derrota da Islândia.

NAOM