Reinaldo orienta cidades a decretar emergência para facilitar repasse de verbas - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

22/02/2018

Reinaldo orienta cidades a decretar emergência para facilitar repasse de verbas

Prefeitos de municípios atingidos se reuniram com Azambuja nesta quinta-feira

Governador Reinaldo Azambuja conferiu a situação de perto na manhã desta quinta-feira © Arquivo
O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) deixou à disposição aos municípios afetados pelas chuvas dos últimos dias um convênio de combustível com a Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos) para continuar ajudando na retirada da população ribeirinha e no levantamento dos estragos provocados. Azambuja foi para Aquidauana na manhã desta quinta-feira (22) e se reuniu na sede do Sindicato Rural com os prefeitos de Aquidauana, Anastácio, Bela Vista, Bonito, Dois Irmãos do Buriti, Jardim, Miranda, Nioaque e Porto Murtinho.

O governador ouviu a situação de cada município e orientou que os prefeitos decretem situação de emergência para que o governo homologue e encaminhe rapidamente para o governo federal. Na reunião não foram tratados valores para ajudar cada município.

O prefeito de Jardim, Guilherme Alves Monteiro, disse que a orientação do governador foi entrar em contato rapidamente com a Agesul até sexta-feira. Ele informou que em Jardim não há desabrigados, mas os moradores estão com dificuldade de acesso, com a queda de uma ponte. Porém o problema é grave, já que se trata da ponte que faz o escoamento da produção local.

A prefeitura de Miranda, Marlene Bossay, expôs a situação do município e relatou que esta é a terceira vez que os ribeirinhos precisam ser retirados do local por conta da chuva. O trabalho continuou na madrugada desta quinta-feira, mas a chefe do Executivo municipal não soube informar o número exato de atendidos. Segundo ela, no ano passado 19 pessoas precisaram ser atendidas. "A reunião foi positiva e vimos que o governo do Estado está comprometido a ajudar os municípios", informou.

Um dos municípios mais afetados pelas chuvas foi Bonito, mas apesar do susto, segundo o prefeito Odilson Soares, não há desabrigados. Entretanto, ele diz que pelo menos três pontes precisarão ser recuperadas. "O estrago foi grande. Não temos nem a dimensão do quanto vai ser necessário para recuperar esses estragos", disse Soares. Ele classificou como importante a reunião o encontro com o governador do Estado e informou que deve decretar situação de emergência nesta sexta-feira.

Na chegada a Aquidauana, Azambuja anunciou o repasse de R$ 800 mil para os municípios de Aquidauana e Anastácio. Serão destinados R$ 500 mil para Aquidauana e R$ 300 mil para Anastácio. O dinheiro será repassado para atendimento às famílias. Pelo menos 120 pessoas ficaram desabrigadas.

Fonte: campograndenews
por: Gabriel Neris e Guilherme Henri, enviado especial a Aquidauana