Versão digital da CNH já está disponível para condutores de MS - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

19/01/2018

Versão digital da CNH já está disponível para condutores de MS

Motoristas que desejam obter versão do documento devem ter última versão impressa do da habilitação, emitida desde maio de 2017.

Aplicativo digital que permite acessar nova versão da CNH (Reprodução/Detran)
Já está disponível em Mato Grosso do Sul a versão digital da CNH (Carteira Nacional de Habilitação). O documento que agora pode ser acessado por meio de um aplicativo, foi liberado na última quarta-feira (17), de acordo com o Detran (Departamento Estadual de Trânsito).

Denominado "CNH Digital", o programa pode ser baixado gratuitamente pelas lojas de aplicativos de aparelhos Android e iOS. A versão eletrônica tem o mesmo valor do documento impresso, explica o diretor-presidente do Detran.

“A CNH-e armazena todas as informações da carteira impressa, garantindo a autenticidade do documento. Praticidade, segurança e comodidade para o condutor são algumas das vantagens da versão digital, cujo valor jurídico é o mesmo do documento impresso”, afirma Roberto Hashioka.

Podem ter acesso a nova versão da habilitação, condutores que já possuam a última versão do documento impresso, emitida a partir do dia 02 de maio de 2017, que contra com um QR Code na parte interna.

Caso o usuário deseje o documento digital e não possua o modelo exigido, o mesmo deverá antecipar a renovação ou solicitar uma segunda via, sendo preciso arcar com as taxas emitidas pelo órgão.

De acordo com a assessoria do Detran, a versão impressa continuará sendo emitida, mas o condutor poderá dirigir tanto com a CNH impressa, como também com a CNH-e. Nesse caso, deverá atentar para o funcionamento de seu Smartphone, já que, para efeitos de fiscalização, se o aparelho estiver descarregado, será considerado que a CNH não está sendo portada.

Caso isso aconteça, o condutor será autuado com base no artigo 232 (conduzir veículo sem os documentos de porte obrigatório), uma infração leve que prevê multa de R$ 88,38, três pontos na CNH e retenção do veículo até a apresentação do documento. A CNH-e é acessível offline, sem necessidade de conexão wi-fi ou dados móveis habilitados.

Como obter - Para quem tem a CNH com QR Code, é preciso seguir os seguintes passos:

1- Se possuir um assinador digital (*), pode acessar o Portal de Serviços do Denatran e cadastrar os dados.

2- Se não possuir um assinador digital e o e-mail e o telefone celular não estejam atualizados no cadastro da habilitação, o condutor deverá se dirigir a uma Agência do DETRAN e solicitar a inclusão ou atualização desses dados e depois acessar o Portal de Serviços do Denatran e cadastrar os dados.

3- Após o cadastro ser efetuado no Portal de Serviços do Denatran, ir ao Menu "CNH Digital" e clicar em "Ativação", para receber um e-mail com o código de validação.

4- Baixar o aplicativo "CNH Digital". O primeiro acesso será com o código de autenticação/validação, para gerar uma nova senha com quatro dígitos.

Fonte: campograndenews
Por: Liniker Ribeiro