Governo fecha 2017 com balanço de R$ 1,6 bilhão em investimentos - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

20/12/2017

Governo fecha 2017 com balanço de R$ 1,6 bilhão em investimentos

Reinaldo diz que não há nenhum município de Mato Grosso do Sul hoje que não tenha a presença do Estado


Governo Reinaldo Azambuja divulgou balanço das ações em 2017 com R$ 1,6 bilhão em investimentos nos 79 municípios © Arquivo
O Governo do Estado investiu R$ 1,6 bilhão em infraestrutura e desenvolvimento nos 79 municípios de Mato Grosso do Sul durante o ano de 2017, entre recursos próprios, do Governo Federal, emendas parlamentares e contrapartidas de prefeituras, diz balanço divulgado nesta quarta-feira (20).

Dividido em áreas de prioridades, o balanço das ações de 2017 destaca que a gestão municipalista foi reiterada pelo governador Reinaldo Azambuja. Afirma que em alguns casos, os municípios foram beneficiados com entregas em todas essas áreas; em outras, foram atendidas as áreas prioritárias elencadas pelos prefeitos e lideranças.

“Não há nenhum município de Mato Grosso do Sul hoje que não tenha a presença do Estado, seja em habitação, saneamento, casas, asfalto, drenagem, estradas ou pontes de concreto”, afirma o governador.

De acordo com o balanço, o maior volume de investimentos foi em rodovias, principalmente nas não pavimentadas que tiveram mais de 4,6 mil quilômetros recuperados. Foram feitos também diversos trabalhos para recuperação de vias pavimentadas, além da construção de cem pontes de concreto.

São R$ 817 milhões em obras já concluídas e em andamento por meio da Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos) que incluem de rodovias a infraestrutura urbana – considerando somente empreendimentos lançados na atual gestão, fora os executados pelo Programa Obra Inacabada Zero. Já na área de saneamento, são R$ 793 milhões por meio da Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul), entre obras concluídas, em andamento e projetos a serem executados.

“O resultado dessas obras estruturais tem se refletido diretamente no escoamento da produção e na melhoria da qualidade de vida por todo o Estado. Procuramos atender indistintamente os 79 municípios e esses recursos investidos estão levando desenvolvimento a todo o Estado”, avalia o governador.

O balanço do governo destaca a importância das parcerias com as prefeituras. Diz que isso tem garantido obras que as prefeituras não teriam condições de executar com recursos próprios, e somente em Campo Grande foram recuperados R$ 180 milhões em projetos que estavam paralisados.

Com as parcerias, diz que o governo tem auxiliado gestões municipais para o serviço de tapa-buraco, pavimentação de estradas vicinais e nas demais necessidades prioritárias apontadas pelos prefeitos.

Por: Paulo Nonato de Souza