BATAGUASSU| Semec premia alunos destaques do ano - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

22/12/2017

BATAGUASSU| Semec premia alunos destaques do ano

© Divulgação 
A Prefeitura de Bataguassu, através da Secretaria Municipal de Educação e Cultura (Semec) realizou este ano, a primeira edição do prêmio “Aluno Destaque”.

O concurso tem como objetivo valorizar os discentes como principal sujeito no processo ensino - aprendizagem, além de incentivar e valorizar o bom desempenho escolar, a assiduidade, o respeito e o bom relacionamento dos alunos.

Segundo a secretária municipal de Educação e Cultura (Semec), Regina Duarte de Barros do Vale, puderam participar da atividade alunos oriundos da Rede Municipal de Ensino (Reme) nos últimos dois anos (exceto o 1º Ano do Ensino Fundamental) e que estiveram integrados a pelo menos três bimestres letivos na Reme; e que foram avaliados com frequência durante o ano escolar.
© Divulgação 
Como resultado, foram premiados os alunos Israel Galle Lourenço, do 3º Ano C representante da Escola Municipal “Marechal Rondon”; Sabryna Letícia Ferreira dos Santos, do 3º Ano A, representante da Escola Municipal do Campo “Professora Maria da Conceição”, no Assentamento Santa Clara; e Hélio Squarçado Neto, representante do 3º Ano A da Escola Municipal “Professor Pedro Domingues de Figueiredo”, do Distrito de Nova Porto XV, que receberam respectivamente como premiação um tablet cada.

Para os próximos anos, conforme a secretária, a intenção é premiar também o segundo e terceiro aluno de destaque das unidades escolares.

O prefeito de Bataguassu, Pedro Arlei Caravina (PSDB), presidente da Assomasul, parabenizou todos os alunos premiados assim como os docentes e equipe escolar pelo trabalho desenvolvido em benefício da educação do município. “A premiação tem objetivo de incentivar e valorizar o bom desempenho escolar dos alunos, mas é importante destacar o árduo trabalho realizado pelas equipes das unidades escolares e Semec para o bom andamento das atividades relacionadas a educação”, destacou ele.

Fonte: ASSECOM