Rubens Catenacci está entre as 100 personalidades mais influentes do agronegócio do Brasil - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

15/11/2017

Rubens Catenacci está entre as 100 personalidades mais influentes do agronegócio do Brasil

Rubinho recebendo da Assembléia Legislativa o título de Embaixador da Carne de Qualidade do Mato Grosso do Sul 
Em edição especial da Revista Dinheiro Rural, deste mês de novembro, que traz as 100 personalidades mais influentes do agronegócio brasileiro, quatro profissionais sul-mato-grossenses são destaques, sendo dois na categoria proteína animal, um do Governo e outro na iniciativa sustentável. Além dessas categorias os nomes citados no ranking são conhecidos nacionalmente pelos trabalhos que realizam na esfera da pesquisa, produtores rurais e colaboradores, inovação, produção de insumos, bancos e consultorias.

O Vice-presidente da ACRICAM (Associação dos Criadores de Camapuã) Rubens Catenacci é destaque na categoria proteína animal. Ele recebeu da Assembleia Legislativa de MS o título de Embaixador da Carne, e já tem prêmios acumulados por produzir o melhor bezerro do País, e sua propriedade, a Fazenda 3R, foi escolhida para desenvolver o piloto do Programa Carne de Zebu, uma iniciativa da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ), que busca comprovar tecnicamente a qualidade da proteína originada pelos zebuínos, principalmente da raça nelore.
Rubens Catenacci ao lado de Rogério Rosalin recebendo homenagem durante a Expopec 2016 em Porangatu (GO) - Foto: Assessoria
Na categoria governo o nome destaque foi para Eduardo Riedel, biólogo, produtor rural, ex-presidente do Sistema Famasul e atual Secretário de Governo e Gestão Estratégica de MS. Entre as ações governamentais que acarretou sua indicação foi a adesão pelo Programa do Ministério da Agricultura, Agro Mais, que prevê identificar onde o poder público prejudica a atividade rural, para que sejam eliminados os entraves.

O presidente do Sindicato Rural de Campo Grande e do Grupo de Trabalho da Pecuária Sustentável, Ruy Fachini Filho, é destaque na categoria Iniciativa Sustentável, ao lado de profissionais como como o chef internacional, Alex Atala. 

O reconhecimento de Fachini se dá pelos debates e práticas à frente do GTPS, em que propõe uma pecuária socialmente justa, ambientalmente correta e economicamente viável, trabalho que tem inspirado outros países como, Estados Unidos, Colômbia, Uruguai, México, Austrália, Argentina e Paraguai.

“Melhor que ser lembrado entre as 100 personalidades, é o reconhecimento de Mato Grosso do Sul, Estado rico em produção, que conta com pessoas eficientes no que fazem. Quatro nomes, em um contexto deste, mostram a habilidade e a capacidade que ainda temos para desenvolver na pecuária e no agronegócio como todo”, destaca Ruy Fachini Filho.

Adriane Zart, tem ganhado espaço na pecuária por ser criadora, mas também veterinária, responsável por técnicas que diminuem o estresse bovino em diversas propriedades. Conhecida como “encantadora de bovinos”, Adriane já consegue aplicar suas técnicas em 36 propriedades, em oito estados brasileiros, além de fazendas da Bolívia e Paraguai. Atualmente ela também é diretora do Movimento Nacional dos Produtores (MNP).
Rubens Catenacci ao lado do vereador Aloizio Targino (PSB) de Camapuã-MS e Levy churrasqueiro em evento beneficente ao Hospital do Câncer de Campo Grande-MS na chácara 3R este ano - Foto InfocoMS

Fonte: Diego Silva - Agro Agência Assessoria