PONTA PORÃ| Vereadores aprovam projeto que reduz a taxa de coleta de lixo na cidade - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

21/11/2017

PONTA PORÃ| Vereadores aprovam projeto que reduz a taxa de coleta de lixo na cidade

A menor taxa será de R$ 7,41 e o maior R$ 45,11.

Vereadores aprovaram projeto de lei que corrigiu distorções em torno da cobrança da Taxa do Lixo © Lécio Aguilera
Os vereadores de Ponta Porã aprovaram na tarde desta terça-feira, 21 de novembro, um dos projetos mais esperados pela população: a redução da Taxa de Coleta do Lixo. O projeto, votado em regime de urgência, garante uma diminuição nos valores cobrados em até 62%. Uma notícia bastante animadora para os contribuintes.

Os parlamentares, ao votarem a matéria, classificaram a medida como histórica uma vez que o projeto era um dos mais esperados dos últimos anos pela população de Ponta Porã. "Discutir esta matéria tão esperada é motivo de satisfação para todos os componentes desta Casa de Leis", enfatizou o presidente da Câmara, vereador Otaviano Cardoso.
© Divulgação
Na Tribuna, o parlamentar fez questão de repassar algumas observações sobre a nova lei. "Estive lendo minuciosamente este projeto. Em sua justificativa, a Prefeitura revela alguns dados interessantes. A justificativa do prefeito diz que no município existem 1.660 domicílios como habitantes vivendo em extremo estado de pobreza. E que 4.673 famílias serão incluídas na taxa social. Estas famílias poderiam ficar isentas da cobrança", frisou.

Otaviano seguiu o pronunciamento afirmando que "com a correção da tabela, a Prefeitura estará ampliando sua arrecadação. Vai aumentar sua receita de cerca de R$ 250 mil para a ordem de R$ 350 mil por mês. Mais pessoas vão pagar a taxa: 20.230 contribuintes passarão a pagar. Diante de tudo isso, defendo que a Prefeitura melhore a coleta. Aumentando a frequência. Em muitos lugares, onde o caminhão passava recolhendo o lixo três vezes por semana, agora só passa duas vezes. Peço que o prefeito Hélio Peluffo reveja isso, ampliando os dias de coleta".

De acordo com os estudos feitos pelos vereadores, com a mudança na tabela dos valores da Taxa, a menor tarifa será de R$ 7,41, enquanto que a maior na faixa dos R$ 45,11. Nenhum imóvel residencial pagará mais de R$ 45,11.

Após os debates com os vereadores se posicionando favoravelmente, o projeto de lei foi aprovado por unanimidade.

Fonte: ASSECOM