Ação Cidadania encerra ano com 36,9 mil atendimentos e público de 15,6 mil pessoas em 5 cidades - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

18/11/2017

Ação Cidadania encerra ano com 36,9 mil atendimentos e público de 15,6 mil pessoas em 5 cidades

© Divulgação
Com 4.089 atendimentos e atraindo público de 1.620 pessoas em Aparecida do Taboado, o Programa Ação Cidadania, promovido pelo Sesi em parceria com a TV Morena e apoio das prefeituras dos municípios beneficiados, encerra o ano com 36.950 atendimentos nas áreas de educação, saúde, cidadania e lazer e um público de 15.616 pessoas nas cinco cidades que receberam a iniciativa.

A 5ª e última edição do ano foi realizada neste sábado (18/11), das 8 às 15 horas, no Módulo Esportivo Wilfrides Alves Martins, localizado ao lado da Praça de Esportes, na Rua Ulisses Medeiros de Figueiredo, s/n, no Bairro Chácara Boa Vista, em Aparecida do Taboado, sendo que o evento também passou por Ponta Porã, Campo Grande, Sidrolândia e Coxim.
© Divulgação
Esta foi a primeira vez que a Ação Cidadania foi realizada no interior do Estado, sendo que em 2015 o Programa foi promovido apenas em Campo Grande e reuniu 11.351 pessoas, totalizando 46.538 atendimentos, enquanto em 2016 foi registrado um público de 6.354 pessoas e 26.653 atendimentos. Nesses últimos três anos, a Ação Cidadania reuniu 33.321 pessoas e disponibilizou 110.141 atendimentos.

Na avaliação do superintende do Sesi, Bergson Amarilla, os números reforçam o esforço do Sistema Indústria e da TV Morena em levar os atendimentos de forma mais distribuída em Mato Grosso do Sul. “É um resultado excelente, que nos deixa muito felizes. Essa foi a primeira vez que levamos o Programa ao interior, foram cinco municípios no total. Isso representa um esforço dos nossos parceiros e a capacidade de mobilização da Fiems e do Sesi, conseguindo realizar um trabalho mais distribuído em Mato Grosso do Sul, atingindo municípios que até então não tinham sido beneficiados com esse projeto”, afirmou.

Para o diretor de marketing da TV Morena, Antônio Alves, a Ação Cidadania é uma forma de garantir serviços de saúde, cidadania, lazer e educação para o Estado. “É um programa que antes ficava restrito a Campo Grande e esse ano nós resolvemos ampliar para mais municípios e está no DNA da TV Morena esse compromisso de realizar ações sociais que vão beneficiar a população”, afirmou.
© Divulgação
O prefeito de Aparecida do Taboado, José Robson Samara, disse que o momento é de muita gratidão. “Só temos a agradecer tanto a Fiems, como o Sesi e a TV Morena e todos os parceiros que estão aqui hoje, oferecendo serviço de qualidade à nossa população. É uma honra muito grande sermos o município escolhido para encerrar esse programa maravilhoso”, finalizou.

População

Assim que soube que a Ação Cidadania seria realizada em Aparecida do Taboado, o motorista Gabriel de Melo Silva, de 41 anos, se organizou para não perder o evento. “Avisei minha esposa para ela não marcar nada neste sábado cedo, que iríamos aproveitar todos os serviços. Eu precisava fazer exame oftalmológico e ela tinha de fazer preventivo. Trouxemos nossas filhas também para brincar e todo mundo vai cortar o cabelo. É um programa muito bom e não podemos perder”, destacou.

A dona de casa Maria de Fátima chegou cedo ao Módulo Esportivo Wilfrides Alves Martins para garantir a consulta oftalmológica e aproveitou ainda para melhorar o visual. “Vim mesmo para a consulta, porque está muito difícil conseguir marcar no posto, precisa viajar para Paranaíba, Três Lagoas ou Santa Fé, aqui em São Paulo. Aí aproveitei e ainda vim cortar o cabelo”, disse.
© Divulgação
Para a costureira Carmelinda Mondainhini, a Ação Cidadania deveria ser realizada todo mês no município. “A população de Aparecida do Taboado é muito carente dos serviços que estão sendo oferecidos aqui. Eu mesma precisava de consulta oftalmológica e não conseguia marcar. Aqui cheguei 6h para a fila, fui atendida por profissionais muito atenciosos e cuidadosos. Gostei muito. Agora vou fazer a mamografia e, quem sabe, cortar o cabelo. Olha o tanto de coisa numa manhã só”, ressaltou.

Fonte: ASSECOM