ANTÔNIO JOÃO| Agentes de saúde recebem capacitação para combater aedes aegypti - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

01/09/2017

ANTÔNIO JOÃO| Agentes de saúde recebem capacitação para combater aedes aegypti

Agentes de endemias e comunitários de saúde recebem certificados de curso de capacitação © Divulgação
A Prefeitura de Antônio João, através da Secretaria Municipal de Saúde, ofereceu curso de capacitação para os agentes municipais de saúde e também para os agentes de endemias que desenvolvem trabalho de prevenção e erradicação do mosquito aedes aegypti, transmissor da dengue e de outras doenças que podem levar a morte.

A capacitação segundo a secretária municipal de Saúde, Patrícia Magalhães, é uma determinação da prefeita Márcia Marques e cumpre as orientações do Ministério da Saúde, através do Programa Nacional de Controle da Dengue (PNCD). O trabalho visa intensificar ainda mais as visitas domiciliares, no sentido de orientar a comunidade a colaborar com a prevenção da dengue.

O curso de capacitação com duração de 16 horas/aula reuniu 5 agentes de endemias e 12 agentes comunitários de saúde. “O trabalho visa preparar as nossas equipes para que elas atuem de forma intensificada no sentido de evitar a proliferação do mosquito transmissor em nosso município”, destaca a secretária.

O aedes aegypti é o mosquito transmissor da dengue, da chikungunya, da zika e da febre amarela urbana. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a dengue é um dos principais problemas de saúde pública no mundo. Milhares de pessoas todos os anos são internadas no Mato Grosso do Sul e no Brasil em virtude de contrair a doença. Muitas acabam morrendo.

Em Antônio João, desde o mês de janeiro que vem sendo realizados trabalhos voltados a prevenção, como a realização de mutirões de limpeza em todas as regiões do município. Os agentes de endemias e também os comunitários de saúde atuam no sentido de orientar a comunidade de que forma pode colaborar para evitar a proliferação do mosquito.

DICAS PARA EVITAR A DENGUE

Conheça 10 dicas para você evitar que o mosquito da dengue prolifere-se.

1 - Não deixe acumulo de água. A água da chuva pode acumular em garrafas, pneus ou qualquer outro tipo de reservatório. 

2 - Coloque areia em vasos de plantas. Use areia ou pé de café no pires de vasos das plantas, após isso, você pode adicionar água a vontade que o mosquito não irá despejar os ovos nesse local.

3 - Faça furos nos pneus. Pneus furados não acumulam água graças aos furos, que fazem a água escorrer para fora do pneu.

4 - Cuide a caixa d’água. A caixa d’água é um dos principais reservatório para os ovos da dengue. É preciso sempre manter a caixa fechada e limpa com produtos especializados para a limpeza de caixas. 

5 - Mantenha calhas e ralos limpos. Remova sempre galhos e folhas que ficam acumulados nesses locais, pois quando ralos e calhas ficam entupidos, pode ocorrer acumulo de água pela chuva.

6 - Evite cultivar plantas aquáticas. Águas de plantas aquáticas são limpas e são propícias para a reprodução do Aedes Aegypti.

7 - Mantenha garrafas e latas emborcadas para baixo. Dessa maneira, você evita que a água da chuva se acumule dentro desses recipientes. O ideal é não possuir garrafas, latas e latões, é preciso guardá-los em locais fechados ou colocá-los no lixo.

8 - Utilize telas protetoras para evitar que os mosquitos entrem na sua casa.

9 - Cuidado redobrado com as piscinas. A piscina é um local difícil de limpar por sua abundância de água. Se você não estiver utilizando a piscina, cubra-a com uma lona ou qualquer outro objeto que deixe a água exposta.

10 - Fique atento ao lixo. Muitas pessoas acham que lixos, por acumularem água suja, não representam perigo para o foco da dengue. Porém, água acumulada é sinal de possibilidade para a reprodução do mosquito. É preciso vedar os sacos de lixo e não deixá-los expostos.


Fonte: ASSECOM