COSTA RICA| “Se a população aclamar pelo meu nome, me coloco a disposição para ser pré-candidato ao Governo do Estado”, diz Waldeli em entrevistas - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

14/07/2017

COSTA RICA| “Se a população aclamar pelo meu nome, me coloco a disposição para ser pré-candidato ao Governo do Estado”, diz Waldeli em entrevistas

Costa Rica está entre as 100 cidades mais promissoras do Brasil

© Reprodução/Facebook
O empresário e prefeito de Costa Rica - MS Waldeli dos Santos Rosa (PR) concedeu nesta sexta-feira (14), entrevistas as rádios Diamante FM e Atalaia FM de Campo Grande – MS, oportunidade em que falou aos ouvintes das duas emissoras sobre o sucesso da sua gestão e também discorreu sobre o desenvolvimento da Região Norte. 

Logo pela manhã, na emissora Diamante FM, o radialista Eli de Sousa concentrou os temas voltados para o sucesso da gestão pública de Costa Rica e o desenvolvimento da região. 

“Costa Rica hoje é destaque porque há 16 anos realizamos uma política séria, voltado a uma gestão empresarial no setor público e com isso avanços em todos os setores, pois hoje contamos com uma cobertura na saúde com a atenção básica e 11 especialidades médicas no município; professores motivados e com viabilidade de trabalho com salas climatizadas, lousas digitais; quadras cobertas, sala de informática, bibliotecas e auditórios em todas as instituições de ensino para melhor aprendizado escolar e qualidade para nossas crianças. Nossa cidade pode ainda se orgulhar por termos 100% de ruas pavimentadas”, destacou Waldeli.

Já na Atalaia FM, Waldeli foi indagado pelo locutor Mário Rodrigues sobre a possibilidade de disputar o Governo do Estado. “Se a população aclamar pelo meu nome, me coloco a disposição para ser pré-candidato ao Governo e posteriormente disputar o cargo”, afirmou ao complementar que só entra na disputa caso “o atual governador Reinaldo Azambuja (PSDB) ou o ex-governador André Puccinelli (PMDB) não concorra”.

Ao ser questionado por um ouvinte sobre quais seriam suas as metas para as principais áreas caso ele fosse candidato ao governo do Estado, Waldeli afirmou: “para que o Estado possa se desenvolver em saúde, educação, segurança pública, assistência social e qualidade de vida da sociedade, primeiro devemos realizar uma auditoria nas contas, cortar gastos e cargos políticos dentro do governo, para que assim possamos desenvolver projetos que irá fortalecer os municípios e deste modo gerar beneficio a população”.

Costa Rica está entre as 100 cidades mais promissoras do Brasil e ocupa o 1ª lugar no Estado e o 15º em gestão fiscal no País segundo a FIRJAN – Federação das Indústrias do Estado Rio de Janeiro.

Fonte: Costa Rica em Foco