COSTA RICA| Durante entrevista, radialista afirma que Averaldo é o tipo de vereador que “lê até nos corredores da Câmara” - JORNAL CORREIO MS

Campo Grande (MS),

LEIA TAMBÉM

Post Top Ad

28/07/2017

COSTA RICA| Durante entrevista, radialista afirma que Averaldo é o tipo de vereador que “lê até nos corredores da Câmara”

Averaldo foi o terceiro parlamentar municipal a participar, ao vivo, do “Jornal Costa Rica Acontece” da rádio RCR Band, na série de entrevistas com os vereadores do município © Ademilson Lopes
Reconhecido até mesmo pelos demais colegas de Câmara por ser “técnico”, “estudioso”, “rigoroso” e “perfeccionista”, o vereador Averaldo Barbosa da Costa (PMDB) falou sobre algumas conquistas alcançadas por ele enquanto integrante do Poder Legislativo de Costa Rica-MS, ao conceder entrevista para o radialista Sadib de Oliveira, no “Jornal Costa Rica Acontece” da rádio RCR Band.

Na quarta-feira (26), Averaldo foi o terceiro parlamentar municipal a participar, ao vivo, da série de entrevistas promovida pela emissora de rádio local, com os vereadores do município.

Ao longo de aproximadamente 30 minutos de entrevista, Averaldo fez um balanço em torno dos dois mandatos como vereador de Costa Rica e lembrou que ele alternou importantes funções dentro da Câmara Municipal, nos últimos quatro anos e meio. “No mandato passado eu fiquei três anos como presidente da Comissão de Constituição, (Legislação), Justiça e Redação Final e depois um ano presidente da Câmara (2016) e agora nesse mandato eu voltei a ser presidente da mesma Comissão. E é importante que a população saiba que 100% dos projetos que tramitam na Casa têm que passar por essa Comissão, onde a gente estuda a legalidade e a constitucionalidade das proposições”, explicou Averaldo, que é formado em direito e exerceu por 36 anos a função de fiscal tributário estadual, um dos cargos mais almejados em concursos públicos.

Em um determinado momento da entrevista, Sadib chegou a brincar com Averaldo, dizendo que é comum ver o vereador caminhando e ao mesmo tempo lendo documentos nos corredores da Câmara. “Você fala que eu às vezes fico lendo, mas é que eu tenho mania de perfeição e presido uma Comissão que tem a responsabilidade de analisar se um projeto de lei é constitucional e legal. Então a gente precisa estudar um pouco mais”, respondeu o vereador.

Ao comentar os resultados de sua atuação parlamentar, Averaldo lembrou que recentemente ele encaminhou uma indicação para o secretário de Estado de Segurança Pública (Sejusp), Nelson Firmino Júnior. No documento, o vereador solicitou mais uma viatura para a Unidade Regional de Perícias de Costa Rica. Segundo ele, o pedido já foi atendido pela Sejusp. “Eu fiquei sabendo da necessidade de mais uma viatura para a Unidade de Perícia, fiz uma indicação e graças a Deus fomos agraciados com mais uma viatura”, enfatizou.

Averaldo também falou sobre a sonhada internet móvel 4G em Costa Rica, sonho que conforme ele está prestes de ser concretizado. O vereador comentou que recentemente a Câmara aprovou um projeto que regulamenta a instalação de torres e antenas de telecomunicações no município, abrindo caminho para a ativação da tecnologia 4G.

“Nós temos várias indicações de autoria minha e de outros colegas vereadores, que foram encaminhadas para a OI, para a Vivo e outras operadoras (solicitando melhorias na qualidade da internet) e a Câmara trabalhou muito nesse sentido, até que há poucos dias nós fizemos uma sessão extraordinária para votarmos em regime de urgência um projeto de lei do Executivo, que regulamenta a instalação dos equipamentos de transmissão, porque nós estamos ansiosos pelo 4G”, afirmou Averaldo, ao discorrer sobre a lei aprovada pela Câmara que traz uma série de obrigações que as operadoras terão de cumprir na hora de instalar torres e antenas no município, inclusive aquelas necessárias para ativar a transmissão de dados da tecnologia 4G.

A Vivo já informou à Câmara, por meio de ofício, que até o fim de 2017 vai disponibilizar internet móvel 4G para os moradores de Costa Rica.

Averaldo fez questão de lembrar que a Câmara possui uma relação bastante harmônica com o Poder Executivo. O vereador citou, inclusive, que o Programa de Recuperação Fiscal (Refis) - implantando pela Prefeitura em 2017 - foi uma ideia que ele apresentou para o prefeito Waldeli dos Santos Rosa (PR) e que foi prontamente acatada. O Refis permite a renegociação de dívidas com a Prefeitura e garante descontos de até 90% sobre os juros, correção monetária e multa.

Ao longo da entrevista, o parlamentar discorreu sobre o recente projeto de lei de autoria dele, aprovado pela Câmara agora em julho, que aumenta as atribuições e os poderes do Conselho Municipal de Saneamento Básico (CMSB), garantindo mais autonomia para o órgão de controle social. “Porque quando criou o conselho deixou um pouco a desejar no sentido de quais eram realmente as atribuições. Então nós fizemos algumas mudanças para dar mais atribuições para eles (conselheiros)”, explicou.

O vereador Averaldo defendeu a realização das sessões da Câmara no período noturno e argumentou que o Poder Legislativo Municipal está melhorando as estratégias de comunicação com a população. “Hoje nós estamos fazendo um trabalho (jornalístico) muito bem feito de mostrar a atuação da Câmara. Eu sei que muitas pessoas não sabem nem sequer que as sessões são abertas, que é um direito do cidadão assistir. Eu particularmente sou favorável continuar com as sessões à noite, porque nesse horário a pessoa está tranquila, já cumpriu sua jornada de trabalho e pode participar”, argumentou.

O trabalho de gestão do parlamentar municipal junto às autoridades municipais, estaduais e federais também foi tema da entrevista. Averaldo comentou que o vereador é o político mais próximo da população e que a Câmara é o legítimo órgão que representa o povo. “Cabe a nós levar às reivindicações da população até o prefeito, até o deputado, o senador. É aquele velho ditado, ‘quem não é visto não é lembrado’. Então você sempre tem que fazer o meio de campo com eles e marcar presença (visitando as autoridades)”, ressaltou.

Fruto desse trabalho de gestão do vereador, Averaldo citou como exemplo a recuperação de rodovias da região, como é caso do tapa buracos na MS-306, resultado do trabalho de gestão e articulação política dos parlamentares costarriquenses cobrando as autoridades estaduais, conforme enalteceu Averaldo.


Fonte: ASSECOM
Por: Ademilson Lopes